CEO da Falconi: “A inovação deve gerar valor para o negócio”

Viviane Martins falou sobre como semear uma cultura inovadora nas grandes empresas, num painel na Web Summit 2022.

Viviane Martins, CEO da Falconi, subiu ao palco do Web Summit 2022 nesta quinta-feira para falar sobre como semear uma cultura inovadora nas grandes empresas. “A grande finalidade da inovação deve ser gerar valor para o seu negócio”, disse a executiva durante o painel “Tech-in sourced: cultivating an innovative culture” – em tradução livre, ‘Movido à tecnologia: cultivando uma cultura de inovação’. Considerado um dos maiores encontros de inovação do mundo, o megaevento terá mais de 70 mil participantes durante os quatro dias da edição deste ano.

Na sua visão, a inovação não deve se restringir a um momento brilhante dentro de um problema específico. Para ser realmente efetiva, ela deve ser constante, fruto de uma construção frequente baseada nos problemas dos seus clientes. Só assim, é possível desenvolver soluções customizadas para ajudar corporações a crescer, de forma duradoura e acertada. “É dessa forma que se prospera um fluxo real de inovação”, disse Viviane.

O painel contou também com a presença de Tom Fortin e Hamid Ghanadan. Fortin é o Chief Operations Officer da iCapital, plataforma financeira focada no mercado global de investimentos alternativos. Já Ghanadan é o CEO do Linus Group, atuando nos mercados de saúde e bem-estar; e teve como mediador o jornalista Jared Lindzon, colunista de The Globe and Mail.

O encontro sublinhou a crucial importância de se preservar o espírito empreendedor na estrutura corporativa. Daí o convite à CEO, conhecida por defender a ambidestria corporativa – modelo empresarial que garante o foco simultâneo nos desafios do futuro e na sustentabilidade do presente.

Em Lisboa, falou também sobre os desafios de manter, em larga escala, uma cultura inovadora, ágil e colaborativa, pautada por inteligência artificial, machine learning. “A Web Summit é inspiradora tanto por mostrar as tecnologias disruptivas na vanguarda da inovação como por conectar agentes prontos para revolucionar seus mercados e a sociedade em geral”, afirma a executiva.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado