Europa lança investigação sobre uso de cloud no setor público

Autoridades europeias e nacionais colaborarão nas investigações que incluirão gigantes como AWS, Microsoft Azure ou Google Cloud, entre outros. O relatório resultante será publicado antes do final do ano.

A Autoridade Europeia para a Proteção de Dados (EDPS) anunciou o início de investigações conjuntas com 22 reguladores nacionais sobre a utilização que as administrações públicas fazem dos serviços cloud para determinar se as normas de proteção são cumpridas.

As investigações fazem parte do plano de criação de um framework de compliance coordenado, que foi anunciado em outubro passado e começa hoje. O órgão espera ter um relatório completo antes do final de 2022.

Estima-se que as investigações cobrirão todo o território europeu e incluirão instituições da UE e setores verticais como Saúde, Finanças, Educação e também provedores de serviços de TI. Assim, gigantes da cloud como AWS, Google Cloud, Microsoft Azure, Orale ou IBM que investiram na abertura de regiões de cloud em solo europeu serão alvo de investigações.

A pandemia causada pela covid-19 acelerou a transformação digital de muitas organizações e administrações públicas, que deram o salto para a cloud. “Ao fazê-lo, os organismos públicos a nível nacional e da UE podem ter dificuldade em obter produtos e serviços de TIC que cumpram as regras de proteção de dados da UE ”, refere o organismo no comunicado oficial tornado público . As investigações visam “incentivar as melhores práticas e garantir a proteção adequada dos dados pessoais”.

Quase metade das empresas europeias usa cloud

De acordo com dados publicados pela agência estatística europeia, Eurostat, 42% das empresas europeias utilizam serviços de computação em cloud . O percentual sobe para 98% entre as empresas com 10 ou mais funcionários. Quase 80% das empresas usam a cloud para seus serviços de e-mail, 68% para usos relacionados a armazenamento e 61% para software corporativo. 59% o usam para software de segurança.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado