Plataforma blockchain de carbono neutro tem mais de 800 milhões de dólares para investir em startups

A NEAR anunciou também um fundo de 100 milhões de dólares denominado Startup Grant Pools, que prevê a seleção de cerca de 20 startups, com um financiamento médio de 5 milhões de dólares cada, num prazo de 12 meses.

A NEAR, plataforma blockchain de carbono neutro, anunciou, em Lisboa, que tem mais de 800 milhões de dólares para investir em startups e apps descentralizadas que integrem o seu ecossistema. A revelação foi feita pelo co-founder da NEAR, Illia Polosukhin, durante o NEARCON, evento que juntou mais de 300 pessoas, nas Carpintarias de São Lázaro, em Lisboa, entre fundadores, developers, criativos, investidores e outros especialistas da indústria, e que assinalou um ano do lançamento da plataforma na mainnet

O valor total será dividido em vários programas com diferentes objetivos e veículos. Uma parcela de 100 milhões de dólares será distribuída por fundos regionais, sendo Portugal um dos destinos em análise, numa altura em que a NEAR já estabeleceu uma equipa local. Illia Polosukhin acredita que a capital portuguesa tem o talento necessário para captar investidores, criar oportunidades de emprego e democratizar a adoção de tecnologia: “Temos membros da nossa equipa há algum tempo em Portugal, temos fomentado contactos institucionais e estamos entusiasmados com a rede que estamos a criar. O futuro é muito promissor para nós em várias regiões e Portugal parece ser, certamente, uma delas. A comunidade de Criptomoedas e o ecossistema NEAR é muito ativo em Portugal, daí termos decidido organizar aqui o nosso primeiro evento físico de sempre e termos optado por fazer este anúncio aqui. Lisboa está a crescer e queremos crescer com ela, usando a nossa tecnologia como alavanca.” 

A NEAR anunciou também um fundo de 100 milhões de dólares denominado Startup Grant Pools, que prevê a seleção de cerca de 20 startups, com um financiamento médio de 5 milhões de dólares cada, num prazo de 12 meses. Os subsídios podem ser usados pelas startups de acordo com os seus objetivos estratégicos, desde que estes estejam em linha com o crescimento do próprio ecossistema e contribuam para o mesmo. 

“Temos uma pipeline de projetos em discussão, com os quais estamos muito entusiasmados, mas queremos ampliar esta rede. É também por isso que estamos em Portugal. Queremos startups comprometidas com a construção de ecossistemas na NEAR”, diz Illia Polosukhin. 

Cerca de 250 milhões de dólares serão alocados para subsidiar o ecossistema NEAR Protocol, que já conta na sua rede com mais de um milhão de utilizadores ativos, sendo que desse valor total, já foram investidos cerca de 45 milhões de dólares em 120 projetos, desde o início do ano, incluindo subsídios para a infraestrutura de protocolo principal. Este financiamento está planeado para ser alocado num prazo de quatro anos. 

Os restantes 350 milhões de dólares pertencem ao fundo da Proximity Labs, empresa de pesquisa e desenvolvimento, que serve de veículo para ajudar a construir aplicativos de finanças descentralizadas na blockchain NEAR, plataforma onde tem vindo a concentrar o seu desenvolvimento. O dinheiro será distribuído através do token NEAR, nos próximos quatro anos, em valores que variam entre os 5 mil dólares e vários milhões. Todos os projetos DeFi são potenciais candidatos.  

Erik Trautman, CEO da NEAR Foundation, disse: “O enorme investimento que anunciámos vai ajudar-nos a capacitar uma comunidade global de criadores e empreendedores que querem uma economia descentralizada. Já ajudámos a lançar 200 empresas e queremos apoiar muitas mais”. 

O Nearcon terá dois dias completos de experiências imersivas da comunidade NEAR e do ecossistema, com mais de 30 apresentações e oportunidades de networking para developers, criadores, investidores e empreendedores. Em discussão estarão temas como DeFi, NFTs, Gaming, Programação, e muito mais.  




Deixe um comentário

O seu email não será publicado