Red Hat apoia OS-Climate promovendo código aberto para enfrentar as mudanças climáticas

OS-C é uma organização sem fins lucrativos que procura usar tecnologia de código aberto para alinhar os esforços da comunidade financeira para enfrentar o desafio da mudança climática global.

A Red Hat juntou-se ao OS-Climate (OS-C), um projeto de código aberto apoiado pela Linux Foundation que pretende construir a tecnologia de ponta e as plataformas de dados necessárias para integrar plenamente os impactos das mudanças climáticas na tomada de decisões financeiras globais. Com esta associação, a Red Hat fornecerá apoio técnico e recursos para ajudar o OS-C a construir um “Data Commons” que serve como uma plataforma aberta de recolha, processamento e gestão de dados para a padronização e melhoria da precisão das métricas ambientais, sociais e de governance (ESG) nas empresas. A biblioteca de dados provenientes de fontes públicas e privadas poderá ser usada para ajudar o setor bancário, gestores de ativos e reguladores a avaliar o risco climático e a oportunidade como elementos da tomada de decisões financeiras.

OS-C é uma organização sem fins lucrativos que procura usar tecnologia de código aberto para alinhar os esforços da comunidade financeira para enfrentar o desafio da mudança climática global, os seus membros incluem a Allianz, Amazon, BNP Paribas, Goldman Sachs, KPMG, Microsoft, a Net Zero Asset Owner Alliance e muitos mais líderes de tecnologia e serviços financeiros.

A Red Hat proporciona experiência e conhecimento na construção de comunidades de código aberto noutros projetos da Linux Foundation, servindo como membro fundador da Cloud Native Computing Foundation (CNCF), da Open Container Initiative (OCI) e muitos mais. Além da habilidade técnica para contribuir ativamente com código para essas iniciativas, a Red Hat também incentiva a colaboração entre organizações que, de outra forma, seriam concorrentes no mercado.

O modelo de código aberto patrocinado pela Red Hat e selecionado pelo OS-C tem como objetivo permitir a criação de um ecossistema complexo de várias camadas para membros do OS-C, incluindo uma plataforma de dados aberta que pode ser adotada por organizações individuais para uso próprio. Os dados reunidos proporcionam às instituições financeiras globais visões melhores e mais profundas para avaliar o risco e a oportunidade das mudanças climáticas como uma parte central das estratégias financeiras e de investimento.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado