Vendas mundiais de smartphones crescerão 11% em 2021

Os analistas do Gartner esperam que as vendas de smartphones em 2021 se aproximem dos níveis de 2019.

Depois de registrar uma queda de 10,5% em 2020, devido ao impacto da pandemia de Covid-19 na indústria, as vendas de smartphones devem recuperar em 2021. As vendas mundiais de smartphones para utilizadores finais totalizarão 1,5 mil milhões de unidades em 2021, um crescimento de 11,4% ano a ano, de acordo com o Gartner. Os smartphones 5G devem representar 35% das vendas totais de smartphones em 2021.

Os analistas do Gartner esperam que as vendas de smartphones em 2021 se aproximem dos níveis de 2019.

“Em 2020, os consumidores reduziram os gastos com smartphones, mas a disponibilidade de novos produtos, verá os utilizadores a aumentarem significativamente a procura em 2021”, disse Anshul Gupta, Diretor de Pesquisa do Gartner. “A combinação de substituições atrasadas de smartphones e a disponibilidade de smartphones 5G mais baratos estão prestes a aumentar as vendas de smartphones em 2021”.

A consultora prevê que as regiões que terão maior crescimento de vendas de smartphones entre 2020 e 2021 serão: Ásia-Pacífico, de 26.311 milhões de unidades, em 2020, para 30.457 milhões, em 2021; Europa Ocidental, de 125.430 milhões de unidades, em 2020, para 142.796 milhões, em 2021; e América Latina, de 116.301 milhões, em 2020, para 134.349 milhões, em 2021.

A crescente disponibilidade de redes 5G, juntamente com uma variedade maior de smartphones 5G a partir de 200,00 dólares direcionará a procura em mercados maduros e na China. A procura em países emergentes será impulsionada por compradores que procuram um smartphone com especificações melhores e conectividade 5G como recurso opcional.

O Gartner prevê que as vendas de smartphones 5G totalizarão 539 milhões de unidades em todo o mundo em 2021, o que representará 35% das vendas totais de smartphones naquele ano. A venda global de smartphones 5G em 2019 foi de 16.705 milhões unidades, enquanto em 2020 totalizou 213.260 milhões.

“5G agora é um recurso padrão em smartphones premium, especialmente nos EUA, China, Japão e Coreia do Sul”, disse Gupta. “Impulsionada por modelos de custo mais baixo, a adoção é particularmente agressiva na China, onde a participação de smartphones 5G está a caminho de chegar a 59,5% em 2021. Além disso, smartphones 5G mais baratos, que estão a tornar-se predominantes fora da China, devem impulsionar mais impulso para smartphones 5G em 2021 em todas as regiões”.