“O 5G irá democratizar a computação para nuvem e daremos à Inteligência Artificial propósito e escala”

Nesta terça-feira (26), a Qualcomm Technologies anunciou novidades sobre a sua divisão Automotive Qualcomm Autobusiness que amplia a parceria com fabricantes e avança com a tecnologia para painéis conectados.

Por Carla Matsu

A indústria automóvel e o ecossistema que procura digitalizá-la tem planos ambiciosos para tornar o carro a próxima grande plataforma de computação e conectividade. Nesta terça-feira (26), a Qualcomm Technologies anunciou novidades sobre a sua divisão Automotive Qualcomm Autobusiness que ampliam a parceria com fabricantes e avançam a tecnologia para painéis conectados. Neste roadmap, a quinta geração de móvel, o 5G, desempenha um grande papel para conectar veículos à cloud.

Cristiano Amon, presidente da Qualcomm Technologies, destacou durante o evento “Automotive Redefined: Technology Showcase”, realizado virtualmente nesta semana, que o ecossistema por trás do 5G irá gerar até o ano de 2035, mais de 13 triliões de dólares em atividades económicas. Os dados são de um estudo de 2019 da IHS Markit feito a pedido da Qualcomm. “É uma oportunidade incrível para a economia global e principalmente para momentos de recuperação económica”, disse Amon ao referir-se a pandemia de covid-19.

Nesta estimativa generosa para o 5G encontram-se os veículos conectados e autónomos. “Um dos dispositivos que tem sido transformado é o automóvel. A indústria tem se desenvolvido num ritmo incrível”, disse Amon. Se o setor se vinha adaptando para entregar conectividade a partir do painel de veículos, agora, com o 5G e o avanço da edge computing, espera-se que os carros se tornem essa grande interface de computação e, claro, desbloqueiem novos modelos e oportunidades de negócio.

“A era do 5G não é só sobre conectar todos, mas tudo conectado a cloud 100% do tempo”, reforçou Amon. “E da mesma forma que o 4G democratizou o acesso à Internet, o 5G irá democratizar a computação para nuvem e daremos à Inteligência Artificial propósito e escala”, acrescentou.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado