Fórum Económico Mundial estima que 85 milhões de empregos serão eliminados até 2025

Fórum Econômico Mundial, aponta profissões que devem ser eliminadas (e as que estarão na crista da onda) nos próximos anos.

Estudo divulgado pelo Fórum Económico Mundial aponta que 85 milhões de empregos serão eliminados até 2025 tendo em conta as soluções de automação, que cresceram de forma significativa durante a pandemia. 

“Houve uma desaceleração na taxa de criação de empregos”, disse Saadia Zahidi, diretora do Fórum Econômico Mundial, em entrevista à CNBC. “Isto não é uma surpresa, dados os bloqueios que estão a ocorrer e a recessão que se seguiu.” 

“Ao mesmo tempo”, completa a executiva “se olharmos para as projeções que os gestores de RH e aqueles que estão na linha de frente ao tomar estas decisões estão a dizer, descobrimos que a taxa geral de criação de empregos ainda ultrapassará a taxa de destruição de empregos.” 

A geração de empregos citada por Zahidi estima 97 milhões de novos empregos criados, o que significa um acréscimo geral de 12 milhões de empregos. 

Novas necessidades e formação

O relatório aponta que metade das pessoas que mantiverem os seus empregos nos próximos anos deverão adquirir formação em novas ferramentas, em especial adquirindo competências que auxiliem na gestão de plataformas digitais. 

O Fórum Económico Mundial também destacou a rápida mudança para o trabalho remoto ocorrida a partir de março, quando a crise da saúde levou as empresas a fecharem seus escritórios.  

Segundo o relatório, os empregadores podem transferir até 44% de sua força de trabalho para operar remotamente, mas acrescentou que 78% dos líderes empresariais esperam que as formas atuais de trabalho afetem negativamente a produtividade, já que algumas indústrias lutam para se adaptarem. 

Empregos que saem, empregos que ficam 

De acordo com o relatório, estes são alguns dos empregos que o Fórum Económico Mundial acredita que serão eliminados em 2025:

  • Secretariado administrativo e executivo 
  • Funcionários de contabilidade
  • Contabilistas e auditores
  • Operários fabris  
  • Gestores administrativos e de serviços comerciais 
  • Trabalhadores de informação e atendimento ao cliente 
  • Gestores gerais e de operações 
  • Reparadores de mecânica e maquinaria 
  • Funcionários que fazem registo de materiais e manutenção de stokes

Empregos que o Fórum Económico Mundial espera que aumentem  nos próximos anos:

  • Analistas e cientistas de dados
  • Especialistas em IA e Machine Learnig 
  • Especialistas em Big Data 
  • Especialistas em marketing digital e estratégia 
  • Especialistas em automação de processos
  • Profissionais de desenvolvimento de negócios 
  • Especialistas em transformação digital 
  • Analistas de segurança da informação
  • Developers de software e aplicações
  • Especialistas em Internet das coisas 



Deixe um comentário

O seu email não será publicado