Google anunciou novas funcionalidades de segurança para o G Suite

A Google Cloud revelou hoje uma série de novas funcionalidades de segurança para o G Suite, com foco no Gmail, Google Meet, no Chat e novos controlos para administradores.

Sendo uma realidade que há cada vez mais pessoas em teletrabalho, a Google entendeu ser mais importante que nunca, que as ferramentas, que as pessoas usam para se manterem em contacto e se manterem mais produtivas, sejam também mais seguras. É por isso anunciou novas atualizações com o intuito de oferecer mais segurança no Gmail, Meet e Chat.  A gigante americana revelou ainda novas formas de ajudar os administradores de TI a gerirem e proteger dispositivos com facilidade na Admin Console. 

Gmail – A Google Cloud anunciou um piloto com um novo standard de segurança: Brand Indicators for Message Identification (BIMI). O projeto piloto BIMI irá permitir às organizações, que autenticam os seus emails recorrendo ao DMARC, a validação da propriedade dos seus logotipos corporativos e transmitirem-no de forma segura à Google. Uma vez que esses emails autenticados passem todos os nossos processos de verificação contra abusos, o Gmail começará a apresentar o logo nos slots de avatar existentes na interface do Gmail.
– Google Meet – Os anfitriões das reuniões passam a ter maior controlo sobre quem é “expulso” e quem se junta à reunião e também bloqueios de segurança avançados para que possam proteger ainda melhor as reuniões com uns simples cliques. E por fim, os utilizadores poderão reportar abusos diretamente na reunião.
– Maior controlo para os administradores através de novas funcionalidades que irão ajudar a manter as suas organizações mais seguras.

A maneira como trabalhamos parece muito diferente agora do que há seis meses atrás, e os administradores de TI tem pela frente a responsabilidade de manter suas forças de trabalho on-line, produtivas e seguras. A Google introduziu vários novos recursos para ajudar os administradores a manter as suas organizações seguras.

  • Redesenharam a página de dispositivos na consola de administração do G Suite para incluir uma navegação mais intuitiva para gestão de dispositivos e exibir rapidamente o número de dispositivos geridos por cada serviço.
  • Lançaram a integração com o Apple Business Manager (anteriormente DEP) para fornecer aos administradores do G Suite Enterprise, G Suite Enterprise Essentials, Cloud Identity Premium e G Suite Enterprise for Education a capacidade de distribuir e gerir de maneira simples e segura a Apple, de propriedade da empresa dispositivos iOS.

A Google diz ter sempre dado prioridade em manter os dados dos seus clientes confidenciais, protegidos e privados no entanto anunciam que a partir de agora e introduz também um novo recurso de prevenção contra perda de dados que ajuda a impedir os acessos não autorizado a dados. 

  • Agora, os administradores podem usar os controles de gestão automatizado de direitos de informação (IRM) para impedir a extração de dados, impedindo que os utilizadores finais façam downloads, imprimam ou copiem documentos, folhas e slides do Google Drive que contenham conteúdo confidencial. 
  • Estes controles estão de acordo com as regras de prevenção contra perda de dados definidas pela a organização, e os administradores podem executar uma verificação completa de todos os arquivos no Google Drive e ativar esses controles automaticamente para todos os utilizadores. 
  • Agora, estes recursos estão disponíveis nos clientes Beta para G Suite Enterprise, G Suite Enterprise Essentials e G Suite Enterprise for Education.

Por fim, a Google destaca que está a simplificar para os administradores o controle do acesso a aplicação. Os administradores já podem decidir quais aplicações de terceiros que podem aceder aos dados do G Suite dos utilizadres com o OAuth 2.0 . Agora, com o controle de acesso a apalicação, podem economizar tempo impedindo que as aplicações acedam aos serviços do G Suite através da API sem criar uma lista de permissões para cada aplicação que requer acesso aos dados do G Suite.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado