Vai ser possível criar e gerir chatbots no Teams

Durante a conferência anual Microsoft Build, que neste ano devido à pandemia de covid-19 acontece de forma virtual, a Microsoft anunciou uma série de atualizações para o Microsoft Teams voltadas para comunidade de developers.

Com a adoção massiva do teletrabalho, o Teams, plataforma de comunicação e produtividade da Microsoft, escalou a sua popularidade. Segundo Satya Nadella, CEO da Microsoft, no Build, o Teams é usado por mais de 75 milhões de pessoas. Um salto e tanto, já que em novembro de 2019 o serviço tinha 20 milhões de utilizadores ativos.

As as novidades apresentadas para o Teams, visam tornar as aplicações de developers mais integradas e intuitivos. Ao facilitar a descoberta e criação dos apps, a gigante americana incentiva os devevolopers a dedicarem mais atenção ao Teams. A Microsoft tem grandes planos – a médio e a longo prazo – para o Teams, procurando torná-lo numa central de produtividade tendo em mente que o futuro do trabalho será cada vez mais móvel e à distancia.

O que esperar?

Os developers vão poder, em breve, criar equipas com modelos personalizáveis. Por modelos personalizáveis, entende-se cenários comerciais comuns, como gestão de eventos e resposta a crises, bem como modelos específicos de um determinado setor, como uma enfermaria de hospital ou agência bancária. Cada modelo incluirá canais, aplicações e orientações predefinidas.

Os administradores também poderão criar novos modelos personalizados e modelares, permitindo padronizar as estruturas das equipas, exibir aplicações relevantes e dimensionar as melhores práticas. Estes modelos serão lançados nos próximos meses e aparecerão automaticamente.

Um dos destaques entre as atualizações está na possibilidade de criar e gerir chatbots no Teams. A Microsoft revelou que a aplicação Power Virtual Agents estará disponível em breve na loja de aplicações do Teams.

Power Platform facilitará integração e a escalabilidade com o Teams. Será possível adicionar aplicações personalizados e fluxos de trabalho automatizados. Os developers e os administradores poderão em breve adicionar as suas aplicações personalizados do Power Apps ao Teams com um único clique no botão “Adicionar ao Teams” no Power Apps.

Outra das novidade, com os olhos postos no futuro do trabalho em mobilidade, será a possibilidade de criar e transmitir eventos, produções de estúdio no Teams. A pensar na necessidade das empresas e organizações em geral, em tornarem atrativos os sues eventos online a Microsoft, responde a este desafio com um novo suporte à NDI (Network Device Interface) e à interoperabilidade do Skype TX para o Microsoft Teams, que oferece um conjunto mais avançado de opções de produção para transmissões de grande escala personalizadas, públicas ou privadas.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado