Facebook suspende milhares de aplicações

Uma decisão que teve como objetivo proteger os dados e a privacidade dos utilizadores.

As repercussões do caso Cambridge Analytica continuam a a fazer moça pelo Facebook. Para além da multa que vai ter de pagar no valor de  5.000 milhões de dólares pela fuga de dados que o consultor britânico usou para influenciar as campanhas políticas do “Brexit” e as eleições nos EUA em 2016, milhares de aplicações da plataforma froma agora banidas da plataforma social.  Esta é uma medida que visa proteger os dados e a privacidade do utilizadores, embora o Facebook reconheça que nem todas as aplicações suspensas representam uma ameaça. De qualquer forma, a decisão afeta mais de 400 developers.

Mark Zuckerberg comprometeu-se, após este caso, a estudar as aplicações que estavam a operar na sua plataforma para evitar possíveis abusos, ” A nossa análise ajuda-nos a entender melhor os padrões de abuso para eliminar maus atores entre os developers”, disse Ime Archibong, vice-presidente de associações de produtos do Facebook, em declarações a BBC. Porque razão forma também suspensas aplicações que cumprem a legislação, Archibong respondeu “ainda estamos a testar” .




Deixe um comentário

O seu email não será publicado