Rumos Serviços oferece “Pre-Assessment” sobre servidores de bases de dados SQL Server

Com o fim do ciclo de vida das bases de dados Microsoft SQL Server 2008/2008 R2 a partir de amanhã, dia 09 de julho, e consequente término do respetivo período de suporte por parte do fabricante, muitas empresas deparam-se agora com a pressão de decidir sobre evoluir, ou não, os seus servidores de bases de dados das referidas versões para versões suportadas.

Imagem de arquivo

Numa fase de tomada de decisão eminente para os decisores de Tecnologias de Informação, a Rumos Serviços está a oferecer o seu serviço de avaliação prévia, designado de “Pre-Assessment”, que consiste numa reunião inicial, recolha de informação sobre necessidades aplicacionais e de negócio, seguida de análise básica à infraestrutura de base de dados, com recurso a scripts. No final é entregue um relatório que, além de evidenciar os próximos passos e impactos, será acompanhado de uma proposta de serviço de Assessment de Migração.

Esta oferta é válida até dia 30 de setembro de 2019 e limitada à disponibilidade da equipa da Rumos. As organizações que venham a subscrever o serviço de “Pre-Assessment”, e que tenham mais de um servidor de base de dados SQL Server 2008/2008 R2, poderão ainda obter um desconto até 40% no serviço subsequente, o serviço de “Assessment” individualizado a cada servidor/instância.

De acordo com a Rumos Serviços, o serviço de “Assessment” consiste numa análise mais exaustiva às bases de dados existentes na organização, sendo posteriormente entregue um relatório no qual são detalhadas as principais conclusões no que diz respeito à análise de funcionalidades que poderão sofrer uma descontinuidade, eventuais problemas, e constrangimentos associados à migração, bem como um plano de recomendações técnicas para a posterior tomada de decisão sobre migrar, ou não, para versões mais recentes e suportadas.

Segundo Paulo Gonçalves, gestor de departamento de Business Intelligence & Analytics da Rumos Serviços, “a atualização de bases de dados Microsoft SQL Server não terá de ser um desfecho comum a todos os casos que venham a ser analisados, mas nos casos em que tal se justifique é premente decidir para que versão do produto migrar, o modelo de licenciamento ou consumo, e efetuar as validações necessárias para o planeamento da respetiva migração”.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado