A importância do benchmark salarial na indústria tecnológica

O mundo está a evoluir a um ritmo sem precedentes, motivado sobretudo pela inovação em várias áreas diferentes. No entanto, a tecnologia de ponta será sempre potenciada por profissionais, sendo o mercado altamente competitivo no que toca a encontrar o talento há que estar sempre à frente.

Por Tatiana Leitão da Silva

Até à data, nunca foi tão importante definir bem a estratégia remuneratória em relação aos perfis de tecnologias de informação. Um benchmark concede informação com base nos salários praticados no actual mercado, de modo a alinhar da melhor maneira possível com os restantes sectores e facilitando uma oferta salarial justa e enquadrada aos melhores candidatos que estejam interessados num desafio na sua empresa. Assim, é também possível premiar os melhores colaboradores com bónus e aumentos salariais, enquadrados com a realidade.

O mercado de IT actual para funções de liderança é altamente competitivo. Com o contínuo crescimento do e-commerce e da transformação digital ligados ao negócio, e com a quantidade de novas funções criadas para suprir as necessidades nesta área, a indústria tem sentido uma escassez de candidatos com perfil de liderança em IT.

Qual é o actual intervalo salarial para perfis de liderança em IT?

Com o mercado na sua actual fase, é normal que os salários para perfis de liderança se encontrem num intervalo amplo. As posições de gestão podem começar em 45K e ascender a 100-120K para posições de CIO / CTO.

A grande variedade de funções aliada à variedade de pacotes salariais mostra a necessidade de profissionais em todos os níveis superiores e destaca a necessidade de perfis qualificados no sector de IT. Se estiver a procurar recrutar num nível de gestão / direcção, é importante perceber quais sais os factores que mais atraem os candidatos. Actualmente, os candidatos de IT procuram empresas que utilizem com as tecnologias mais avançadas e a possibilidade de trabalharem em realidades greenfield (empresas ou projectos numa fase inicial). A estes factores há que acrescentar uma empresa com um pensamento inovador e com visão de futuro, o que poderá fazer a diferença na altura de decidir entre duas oportunidades.

O que significa realmente um benchmark em IT?

De modo a manterem-se competitivas, as empresas no mercado actual, não podem focar-se apenas em oferecer salários situados no limite superior do intervalo e esperar que seja suficiente para atrair candidatos neste sector. A transformação e a utilização das mais recentes tecnologias tem que ser uma realidade. Num sector orientado para o candidato , os profissionais têm que se sentir comprometidos com salários competitivos, mas também outras regalias como formação, acções de team building, etc, e regalias como planos de incentivos a longo prazo.

As mudanças no mercado

Nos últimos meses têm-se visto sobretudo aumentos salariais nos seguintes sectores:

Healthcare (modernização)

Serviços Financeiros (dados e cibersegurança)

Indústria (automação)

Este aumento deve-se a uma diminuição dos candidatos disponíveis e num aumento da procura por estes profissionais. A automação tem sido bastante comentada no mercado de tecnologias, mas apenas recentemente é possível ver os efeitos reais à medida que novas posições e funções são criadas para alavancar as alterações no local de trabalho.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado