Alfredo a solução IA para o imobiliário

O projeto Alfredo é o vencedor do Prémio K.Tech, a vertente relacionada com novas tecnologias de informação do maior concurso de empreendedorismo realizado em Portugal, que recebeu este ano cerca de 1.700 candidaturas. O apoio da KCS iT no concurso Montepio Acredita Portugal, pelo terceiro ano consecutivo, integra a participação no processo de seleção e avaliação de projetos, o mentoring de suporte ao seu desenvolvimento e o suporte na sua fase go-to-market.

Tiago Farinha, Diretor Geral da KCS iT, justifica a relevância da iniciativa com a constatação que “a transformação digital torna-se mais presente a cada dia que passa e as novas gerações vivem hoje no digital. Toda esta realidade tem necessariamente de ser acompanhada pelas empresas, pela indústria e pelos negócios.” Para o responsável da consultora, “a parceria desenvolvida entre a KCS iT e a Acredita Portugal permite-nos apontar bons exemplos e potenciar o sucesso de projetos promissores neste contexto, que compreendem plenamente as potencialidades da tecnologia e as colocam em prática através de soluções originais ao serviço dos consumidores e das suas comunidades. Esperamos que o contributo da KCS iT sirva para acrescentar viabilidade e capacitar estes projetos.”

Este ano a escolha para o Prémio K.Tech recaiu no projeto Alfredo. Esta é uma solução que se propõe organizar o mercado imobiliário utilizando Inteligência Artificial e Big Data, para ajudar profissionais do setor a conseguir avaliações mais transparentes e facilitando a tomada de decisão. O projeto vai agora ter a oportunidade de ser apoiado pela KCS iT na sua entrada no mercado, nomeadamente através da atribuição de uma bolsa de horas para implementação das melhores práticas ao nível do PMI.

A ligação ao concurso Montepio Acredita Portugal faz parte de um histórico de ativação digital e tecnológica e aposta na formação pela KCS iT. A consultora desenvolve Academias para acelerar a transição de novos talentos para o mundo da tecnologia. Na sua sede, jovens acabados de sair das Faculdades ou em processo de reconversão, aprendem tecnologia e participam no desenvolvimento de conceitos e futuros produtos.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado