Projecto de robô autónomo vence Prémio Inovação da INCM

Equipa responsável garante financiamento até 500 mil euros.

O projecto “Intralogistics Mobile Assistant Unit for Flexible Manufacturing Systems” (INTMOB), foi o vencedor do Prémio Inovação INCM 2017. Tem por objectivo a criação de um robô autónomo para a intra-logística da INCM baseado nos princípios da Indústria 4.0.

“A proposta de valor é a utilização de um robot móvel, simultaneamente operador e transportador, que irá permitir, não só a garantia da localização e segurança de todos os materiais de valor transportados dentro da INCM, como também libertar os colaboradores de tarefas pesadas e automatizadas, para que possam dedicar-se inteiramente a ações nas quais são verdadeiramente essenciais”, explica José Barata, do Centro de Tecnologias e Sistemas da Universidade Nova.

O docente é membro da equipa do projecto, constituída ainda por José António Barata de Oliveira, André Filipe Lopes, Eduardo Manuel Ferreira Morais Pinto, Francisco Antero Cardoso Marques, Ricardo André Martins Mendonça.

O projecto que arrecadou o segundo foi o de “Fabrico de Moedas Comemorativas através de Tecnologias Aditivas”, apresentado por uma equipa de investigadores do Instituto de Engenharia Mecânica do Instituto Superior Técnico , que permite a utilização de tecnologias de fabrico aditivo (também designadas por tecnologias de impressão 3D) para a produção de discos com geometrias e detalhes tridimensionais complexos.

As três ideias vencedoras foram premiadas com um financiamento até 500, 250 e 100 mil euros respectivamente.

O “BlockCarPollution” ficou em terceiro lugar e foi apresentado por elementos da Universidade de Aveiro e da empresa Ubiwhere, que pretende disponibilizar aos utilizadores de transportes coletivos e partilhados um sistema inteligente de recompensas (através da tecnologia blockchain e criação de uma digital wallet), de forma a incentivar a redução do número de veículos utilizados diariamente e, consequentemente, a diminuição dos níveis de poluição.

As três ideias vencedoras foram premiadas com um financiamento até 500, 250 e 100 mil euros respectivamente, possibilitando o desenvolvimento e aperfeiçoamento destes projectos e perfazendo o montante total de 850 mil euros investido pela INCM, diz um comunicado.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado