Talkdesk disponibiliza solução cloud para grandes empresas

A fabricante portuguesa já tinha no seu portfolio soluções cloud para a saúde, comércio electrónico e outsourcing de processos de negócio.

Tiago Paiva, Talkdesk

Tiago Paiva, fundador e director-executivo da Talkdesk.

A Talkdest anunciou o lançamento de uma nova plataforma de contact center, na cloud, destinada a empresas com mais de 500 colaboradores. Em paralelo a empresa de software reforça que tem centenas de vagas para preencher até ao 2020.

A plataforma para grandes empresas surge após o desenvolvimento de soluções para PME nas áreas da saúde, comércio electrónico e prestação de serviços de processos de negócios (Business Process Outsourcing – BPO).

Segundo a fabricante, a nova plataforma é “cloud-native” e surgiu após ter sido identificada, junto das empresas de maior dimensão, a necessidade “de prestar melhor serviço aos seus clientes”. Em regra, as grandes empresas “trabalham com sistemas de primeira geração”, “que apresentam quebras frequentes e escalabilidade limitada”, explica a empresa em comunicado.

A empresa “resolveu este problema com integrações e API nativas e em todos os aspetos da plataforma. Agora estamos a expandir o nosso ecossistema com integrações para as melhores aplicações empresariais”, explica Tiago Paiva, fundador e director-executivo da Talkdesk, em comunicado.

Entre outros destaques da solução “Enterprise” a Talkdest assinala a “certificação certificação SOC Type II” e o suporte de segurança para Regulamento Geral de Protecção de Dados (RGPD), Health Insurance Portability and Accountability Act (HIPAA) e Payment Card Industry Data Security Standard (PCI-DSS).

Fabricante está a contratar

A Talkdesk mantém as perspectivas de chegar aos 1000 colaboradores até 2020. Para o efeito, até ao final do corrente ano, pretende duplicar a actual equipa de 300 pessoas. As vagas são para especialistas em programação, engenharia, vendas, gestão de produto e experiência de utilizador.

Os cerca de 300 colaboradores da Talkdesk estão distribuídos pelos escritórios de Lisboa, Porto e São Francisco, sendo que toda a engenharia é desenvolvida em Portugal.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado