Instituto brasileiro alia-se a tecnológica portuguesa para a inovação

A parceria entre a IT Peers e o COPPE visa a criação de projectos de investigação e desenvolvimento.

Jorge Duarte, CEO da IT Peers, e Marcos Freitas, professor no COPPE

A empresa portuguesa IT Peers assinou um protocolo de cooperação com o Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia (COPPE), da Universidade Federal do Rio de Janeiro. O protocolo de parceria foi assinado na cidade Carioca.

O objectivo desta parceria, cuja formalização implicou mais de um ano de preparação de, passa por trabalhar projectos de pesquisa, desenvolvimento e inovação, inclusive para formação simultânea de mestres e/ou doutores. A parceria abrange também consultorias técnicas; programas de estágios para pesquisadores e alunos; apresentação de seminários, ciclos de palestras e realização de cursos; além de serviços técnicos de apoio à pesquisa e desenvolvimento de novos empreendimentos institucionais, explica a IT Peers em comunicado.

A empresa da Maia acumula experiência no mercado brasileiro onde tem diversos parceiros. A preparação desta aliança esteve a cargo de uma equipa multidisciplinar composta por elementos de ambas as organizações durante mais de um ano. Ao longo deste ano de trabalho, foram levantadas oportunidades e analisadas todas as possíveis integrações de soluções.

O COPPE é, segundo a IT Peers, “o maior centro de ensino e pesquisa em engenharia da América Latina. Fundada em 1963, pelo engenheiro Alberto Luiz Coimbra, ajudou a criar a pós-graduação no Brasil e, ao longo de cinco décadas, formou mais de 13 mil mestres e doutores”.

Jorge Duarte, CEO da IT Peers, mostrou-se satisfeito com a associação entre as duas organizações. O responsável reconhece que o COPPE está presente “em múltiplos projectos de grande envergadura e abrangência na área de inovação e gestão em todo o Brasil”. Por isso, “esta parceria vai seguramente permitir que a IT PEERS possa participar e contribuir com a sua expertise em projetos onde os seus produtos seguramente marcarão a diferença pelo elevado valor que aportam às soluções do parceiro”.

“Este acordo possibilita-nos promover o intercâmbio com a IT Peers, compartilhando conhecimento técnico e informações destinados à produção de conhecimento, de modo a contribuir para a maior eficiência na gestão de projetos frutos desta cooperação”, ressaltou o Marcos Freitas, professor e coordenador executivo do Instituto Virtual Internacional de Mudanças Globais do COPPE.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado