Talkdesk quer ir buscar 30 a 50 jovens às universidades

A empresa de desenvolvimento de soluções de software para call centers tem entre 30 e 50 vagas para recém-licenciados junto das universidades.

A Talkdesk, empresa de desenvolvimento de soluções de software para contact centers baseadas em cloud computing, está a promover um programa que visa a integração de jovens que acabaram recentemente a licenciatura ou o mestrado na empresa.

O programa, chamado Tech Dojo, já arrancou e visa a aproximação da empresa ao meio académico. Os participantes na iniciativa poderão integrar a Talkdesk já em Março e ou, na segunda edição, em Setembro.

O principal objectivo do programa é que os participantes nesta iniciativa tenham continuidade na empresa. Estão abertas, neste momento, entre 30 a 50 vagas, entre Lisboa e Porto, que poderão assim ser preenchidas.

A iniciativa visa aprofundar os conhecimentos em desenvolvimento de software, SRE, segurança, “qualitity assurance” e ciência dos dados junto daqueles que terminaram recentemente a licenciatura ou o mestrado em engenharia informática, computação, electrotécnica ou matemática.

Os candidatos seleccionados “serão integrados em equipas de trabalho multiculturais”. Aí “terão a possibilidade de trabalharem diariamente com elementos com grande experiência nacional e internacional” e de trabalhar no desenvolvimento do produto baseado na cloud segundo as “melhores práticas de metodologias ágeis.”, explica a Talkdesk em comunicado.

 Os primeiros candidatos serão escolhidos em Fevereiro, para iniciarem o programa em Março. A segunda edição terá lugar em Setembro

O Tech Dojo está a ser divulgado nas universidades. O programa já foi apresentado na Universidade do Porto. Será agora apresentado em eventos, em Fevereiro e Março, realizados na Universidade do Minho, no Instituto Superior de Engenharia do Porto e no Instituto Superior Técnico.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado