Barraqueiro adoptou solução unificada de segurança de dados

O Grupo recorreu à Inovflow para proteger os sistemas de informação e para se preparar para o Regulamento Geral de Protecção de Dados.

Inovflow na BarraqueiroO Grupo Barraqueiro adoptou uma solução de gestão unificada de ameaças à segurança – Unified Threat Management (UTM) da Sophos – para assegurar a protecção e segurança da informação, no âmbito de uma estratégia de digitalização de processos em curso. Em simultâneo, a empresa de transportes de mercadorias e passageiros, aproveitou para dar resposta a uma grande preocupação: a conformidade com o novo Regulamento Geral de Protecção de Dados (RGPD).

O Grupo enveredou por uma estratégia de digitalização dos processos de negócio que trouxe consigo novos desafios não só em matéria de segurança face a possíveis ataques, mas também em termos de desempenho, escalabilidade e reporting.  Para o efeito a empresa escolheu a Inovflow e soluções da Sophos.

O desafio surgiu na sequência da digitalização dos processos da empresa, mas também de factores exógenos que passam pela evolução nas tipologias de ataque externos e pelo incremento da sofisticação das ameaças. Este conjunto de factores tornou a firewall convencional insuficiente, sendo necessário adoptar uma solução de gestão unificada de ameaças à segurança (UTM) de última geração.  Em simultâneo, era necessário preparar toda a infra-estrutura para dar resposta ao RGPD, algo que não era coberto pela solução que o grupo tinha anteriormente, segundo António Soares, administrador de Sistemas do Grupo Barraqueiro.

A Sophos, especialista em soluções de segurança e protecção de dados, recomendou a inovflow para dar resposta aos desafios e necessidades apontadas pela Barraqueiro, refere comunicado de imprensa.

A Inovflow, diz em comunicado, foi responsável pela “instalação de um cluster da gama Enterprise da Sophos (Sotphos UTM), que combina várias funções de segurança numa única solução: firewall, prevenção de intrusões, antivírus, VPN, filtragem de conteúdo, balanceamento de carga e relatórios, fornecendo uma elevada visibilidade sobre a rede, utilizadores e aplicações.

A opção “foi validada pela Sophos como a mais adequada ao projecto e, após entrada em produção, confirmámos que responde na íntegra ao proposto”, assinala o responsável da Barraqueiro. A solução permite também endereçar o RGPD ao garantir a protecção dos dados contra possíveis violações através da análise de tráfego inbound/outbound em tempo real e logging com reporting detalhado.

A solução foi instalada em dois dias por um consultor da Inovflow e dois colaboradores do grupo Barraqueiro.

Segundo comunicado, o tempo de migração era um factor crítico e foi possível instalar a solução “em apenas dois dias”, tendo estado envolvidos um consultor da Inovflow e dois colaboradores do Grupo Barraqueiro. A Inovflow desenhou a solução, implementou-a e formou on-the-job a equipa que ficou a gerir o sistema.

António Soares refere que “foi uma instalação de topo e com uma implantação extremamente rápida”.  O responsável valoriza ainda a simplicidade de utilização da interface de gestão, particularmente importante na altura da parametrização. Hoje “estamos autónomos na sua gestão” conta ainda António Soares.

O administrador de Sistemas assinala ainda que “a Sophos disponibiliza adicionais que complementam o projecto, como um Security Information and Event Management (SIEM)” para monitorizar e reportar sobre um conjunto de soluções de segurança dentro das várias empresas do Grupo Barraqueiro, funcionando como single point of view para análise de intrusão e resposta a eventos.

O grupo Barraqueiro tem agora uma “visibilidade superior sobre a superfície de ataque, reporting de excelência sobre vectores de entrada de malware, extinção de ameaças por análise http e https no perímetro, Web Application Firewall (WAF) e um baixo custo na aquisição e manutenção para a performance instalada”, explica a Inovflow em comunicado.

Deste modo é possível oferecer a “todos os colaboradores camadas de segurança adicionais que em conjunto tornaram a infra-estrutura mais reseliente” destaca António Soares.

A solução protege os sistemas contra software malicioso e garante a segurança dos dados mesmo em caso de roubo ou perda de equipamentos; permite agir no ponto de entrada ao bloquear os ataques no perímetro de toda a rede e elimina o erro humano, uma vez que os ficheiros individuais estão seguros, mesmo fora da rede. Garante ainda que apenas as pessoas certas podem aceder a dados sensíveis, resume a Inovflow.

António Soares explica que o Grupo Barraqueiro “está muito satisfeito com os resultados do projecto” e com a eliminação de “uma grande preocupação que era a questão do RGPD (…). Aliás, o RGPD revelou-se uma oportunidade de melhorarmos muitos processos internos” salienta o administrador.

A estratégia passa agora pela possibilidade de alargamento da utilização da plataforma Sophos a outras empresas do Grupo.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado