Banco CTT passa a gerir Payshop

Dois dos objectivos são reforçar o desenvolvimento da plataforma de pagamentos e adicionar novos serviços e produtos integrados, à oferta.

Luís Pereira Coutinho, presidente da comissão executiva do Banco CTT

O Banco CTT vai passar a gerir a Payshop, plataforma de pagamentos criada no grupo CTT. O banco acredita poder assim incrementar a sua proximidade com os clientes, ao beneficiar da rede física da Payshop.

A estrutura conta com mais de quatro mil agentes, com a qual a instituição financeira pretende complementar a sua rede de 208 balcões e plataformas digitais. O banco manifesta ainda a intenção de objectivo de reforçar o desenvolvimento dessa plataforma de pagamentos e a oferta de novos serviços e produtos integrados.

E anuncia “para breve o lançamento de novas soluções na área dos pagamentos” sob marca Payshop, que “será mantida”. Em 2017 a rede Payshop realizou mais de 30 milhões de operações, num volume global de transacções superior a 700 milhões de euros, revela um comunicado.

Luís Pereira Coutinho, presidente da comissão executiva do Banco CTT, comemnta “a Payshop será potenciada pelo Banco CTT, na adaptação da plataforma a redes digitais, no reforço da sua proximidade a todos os portugueses e na prestação de serviços ainda mais completos e diversificados”.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado