Intrum recorre a outsourcing de TI

O contrato do grupo de serviços de gestão de crédito com a Fujitsu tem a duração de sete anos e abrange 23 países.

 

A Intrum assinou um contrato de outsourcing de TI, por sete anos, com a Fujitsu. A tecnológica fornecerá serviços de TI em regime de outsourcing, incluindo centros de dados, cloud computing e TI híbridas, segurança e serviços de ‘help desk’, 24/7, de próxima geração – que usa inteligência artificial para ajudar a identificar a causa subjacente a problemas TI e a impedi-los de voltarem a ocorrer – e suporte a mais de 8000 utilizadores finais em 23 países.

Mediante o acordo, cujo valor inicial ronda os 100 milhões de euros, a Fujitsu irá ajudar a Intrum a optimizar as infra-estruturas TI, contribuindo para o “crescimento contínuo do negócio”.

A Intrum resulta da fusão da Intrum Justitia e da Lindorff, em Junho do corrente ano. A nova empresa tem mais de 100 mil clientes na Europa e “agilizar e modernizar as infra-estruturas TI em todas as geografias e unidades de negócio” é fundamental na consolidação da empresa.

A Intrum seleccionou a Fujitsu como parceira TI tendo por base a cooperação existente com a Lindorff para o outsourcing de serviços de infra-estruturas TI, explica a tecnológica em comunicado.

A Fujitsu irá disponibilizar serviços “com base na sua abordagem centrada no ser humano”, nas suas “capacidades globais, inovação estratégica contínua” e nas competências em automatização e incorporação de gestão de tecnologias de Internet das Coisas e network edge.

A Intrum considera “uma infra-estrutura TI eficaz como algo essencial para a aceleração do seu crescimento global, bem como para impulsionar a eficiência e reduzir os custos de manutenção TI correntes”, refere a tecnológica em comunicado.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado