Lusitania coloca imagens de QRC nas cartas verdes

A seguradora procura que o processo de preenchimento da participação de sinistro seja facilitado, no âmbito da iniciativa da Associação Portuguesa de Seguradoras, em torno da e-Segurnet.

A Lusitania Seguros passou a colocar matrizes de códigos QR – Quick Response Code (QRC) -, nas cartas verdes que emite, para suportar a implementação de declarações amigáveis digitais, assentes na aplicação e-Segurnet da Associação Portuguesa de Seguradoras.

Em caso de sinistro automóvel, o sistema permite aceder à informação sobre o veículo e respectivo seguro automóvel na aplicação através da captação do código pela câmara do smartphone e consequente transferência de dados da Carta Verde.

Tal como a associação, seguradora procura que o processo de preenchimento da participação do sinistro seja facilitado e a possibilidade de erro minimizada. Surge apenas como processo alternativa à tradicional declaração amigável, mas deverá permitir ainda uma comunicação mais célere, sem deslocações ou entregas em
papel.

“Esta solução agiliza os processos inerentes aos sinistros, através da desmaterialização de documentos, ao mesmo tempo que introduz conveniência e serviço acrescentado ao cliente”, acredita António Carlos Carvalho, director de marketing e inovação da Lusitania.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado