Everis pretende contratar cerca de 70 pessoas

O centro de nearshoring da empresa em Portugal estendeu a sua actividade a mais três mercados, o da Irlanda, Alemanha e Bélgica.

Rui Moita, director do centro da Everis

O centro de operações de alto rendimento da Everis, em Lisboa, passou a prestar serviços de desenvolvimento de software, num modelo de nearshoring a seis países da Europa: Inglaterra, Espanha, Portugal, , Irlanda, Alemanha e Bélgica. Recentemente entrou nos últimos três mercados e prevê contratar perto de 70 profissionais até final de 2017, contando actualmente “com mais de 80”.

O centro obteve há pouco tempo a certificação nível 3 do CMMI Institute para desenvolvimento de software. “Cada vez mais os nossos clientes, a nível local e mundial, estão conscientes da importância desta certificação de modo a garantir mais produtividade, melhorar a qualidade do serviço e eficiência das equipas e projetos”, comenta Rui Moita, director da operação.

A estrutura está em pleno funcionamento desde Setembro de 2015 e faz parte de uma rede de nove centros de alto rendimento da multinacional espalhados pela Europa e América latina. “Estamos já a trabalhar para novas certificações do CMMI Institute, tanto na área de desenvolvimento, como na área de outsourcing, reforçando o investimento que temos feito nos nossos serviços de manutenção de software”, avança Moita.

No plano de certificação em que esteve envolvido inserem-se também novos centros Tetouane (Marrocos) e Trujillo (Perú).


Tags


Deixe um comentário

O seu email não será publicado