SPMS realiza concurso público para cibersegurança

A iniciativa visa constituir um grupo de fornecedores de serviços de cibersegurança que deverá manter-se durante quatro anos.

A SPMS lançou no final da semana passada (2 de Junho), um concurso público para a celebração de um acordo-quadro para a prestação de serviços de cibersegurança na área da saúde. O protocolo de suporte deverá vigorar por quatro anos.

“Com a aquisição ao abrigo do presente AQ pretender-se-á implementar uma estratégia de segurança na área da saúde, através de um plano de ação da estratégia de segurança, com a possibilidade de elaborar relatórios relativos a vários aspetos, designadamente com os riscos identificados, possíveis impactos, probabilidades de ocorrência e recomendações para tratamento dos mesmos, análise da maturidade dos sistemas de segurança da informação e da organização e definição de métricas de desempenho”, revela a empresa pública.

Os contornos do acordo, prevêem ainda:

‒ a implementação de uma framework de políticas de segurança da informação e de normas de segurança, de análise;

‒ definição de planos de recuperação de negócio, de continuidade de negócio e de implementação onde deverá estar contemplada a arquitetura física, lógica e respetiva tecnologia utilizada,

‒ a infraestrutura física do centro de operação de segurança, procedimentos de monitorização;

‒ procedimentos de monitorização, de acordo com a política de resposta a incidentes, dos níveis de serviço, de casos de uso;

‒ a implementação de mecanismos de proteção contra a perda de informação.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado