Qualidades e críticas à plataforma OutSystems

A Gartner colocou a empresa portuguesa entre os líderes no segmento das plataformas RAD, em modelo de PaaS de alta produtividade.

magic-quadrant-da-gartner-rad-em-paasNo seu último “Quadrante Mágico” sobre fornecedores de plataformas RAD de alta produtividade, em modelo PaaS (conteúdo disponível mediante cedência de informação), a Gartner confirma a OutSytems entre os líderes do segmento, abaixo da Salesforce e da Mendix (mais visionária e menos líder do que a portuguesa). A consultora nota no estudo (conteúdo disponível mediante cedênci de informação), que os utilizadores elogiam a facilidade de utilização da plataforma, mas também o carácter completo das funcionalidades.

Mas refere críticas de clientes, segundo os quais o suporte técnico pode ser melhorado, além da documentação. O preço da plataforma é na melhor das hipóteses considerado como justo.

Cautelas sugeridas pela Gartner

‒ Se os clientes precisarem de descontinuar a utilização da tecnologia e voltar ao modelo de desenvolvimento tradicional, devem ter em conta que modificar o código gerado, quebra a “sincronização com o modelo de metadados fonte”, quando se volta ao ambiente da OutSystems.

‒ A consultora notou algumas limitações no ambiente de desenvolviemnto em Internet, face à alternativa em desktop. Neste ponto, a empresa opta por uma visão diferente dos concorrentes, mais focados no fornecimento em soluções integradas de desenvolvimento de software baseado na Internet, porque essa abordagem está alinhada com a natureza de auto-suporte de baixa intervenção do desenvolvimento em cloud;

‒ Alguns clientes de referência da OutSystems consideram que o suporte técnico e a documentação disponibilizada pode ser melhorada;

‒ Mais de um terço dos clientes de referência entrevistados pela consultora classificam, como justo se não pior, o valor e preço da tecnologia.

Qualidades notadas

‒ A plataforma OutSystems oferece um conjunto abrangente de modelos de metadados para configurar camadas de aplicações, incluindo até processos de negócios, fluxos de integração, interfaces de utilizador, lógica de negócio, modelos de dados, Web Services e API. A consultura confirma que permitem “um desenvolvimento de alta produtividade” e redução tempo para a disponibilização de aplicações mais avançadas. Elogia a facilidade de os programadores poderem compor e fazer a incorporação do seu próprio código Java ou C #, e mesmo bibliotecas, na plataforma.

‒ A grande maioria dos clientes de referência assinalam a facilidade de utilização como a força da plataforma muitas notam qualidades chave, como “a profundidade e integridade das funcionalidades “. “Esta é uma combinação complicada, que poucos fabricantes conseguem alcançar”, diz a Gartner.

Em contrastes com as críticas, muitos clientes prtendem usar a tecnologia em projectos no futuro.

‒ O carácter único da Outsystem prende-se com o seu enfoque na geração de código “subjacente, por oposição à execução interpretada dinamicamente”. Segundo a Gartner, os utilizadores da plataforma mantêm a opção de gerar o código da aplicação com a plataforma OutSystems e implantá-lo e gerir-la separadamente. “Ao contrário de outros fornecedores, o código separado não exige qualquer redesenvolvimento de clientes nem implantação de bibliotecas de software proprietárias”, diz a consultora.

‒ A empresa portuguesa é elogiada pelo suporte a processos de gestão de mudança de software, com elementos presentes para isso de extremo a extremo da plataforma.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado