BPI aposta em pulseira para pagamentos

O banco disponibiliza um “wearable” em parceria com a MoneyToPay, para operações na rede Visa.

Pulseira BPI CashO BPI lança esta quinta-feira no mercado a Pulseira BPI Cash, um dispositivo “wearable” equipado com tecnologia de comunicações sem contacto mecânico, para suporte a pagamentos. O sistema está integrado com a rede Visa e preparado para interagir com terminais de pagamento automático (TPA).

A pulseira funciona como um cartão pré-pago, pelo que é utilizável apenas até ao limite do saldo previamente carregado, mas sem qualquer acesso à conta de depósitos à ordem, para segurança nas transacções, diz um comunicado. “O código pessoal secreto (PIN) apenas será solicitado para pagamentos superiores a 20 euros ou em situações pontuais”, acrescenta a nota.

A Pulseira BPI Cash é à prova de água e está disponível em seis cores (azul, cor-de- laranja, preto, branco, cor-de- rosa e cinzento). “Acreditamos que este produto bancário tecnológico e inovador, desenvolvido pela MoneyToPay e comercializado pelo BPI em Portugal, irá conquistar a preferência dos Clientes, dada a comodidade que proporciona nas mais variadas situações do dia-a- dia”, justifica Filipa Roquette, directora de comunicação do BPI.

A MoneytoPay é uma empresa constituída em Espanha que procura capitalizar a experiência do CaixaBank na emissão de “moeda electrónica“, diz o comunicado. Criada em 2012 e dedicada exclusivamente à emissão de cartões pré-pagos tendo emitido um milhão e meio de cartões. A MoneyToPay alargou o seu âmbito de actuação aos mercados português e austríaco, em parceria com o Banco BPI e o Erste Bank.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado