OLAmobile quer investir 600 mil euros em Portugal

A multinacional pretende centralizar serviços e vendas em Lisboa e prevê contratar 30 novos profissionais até final de 2016.

Antoine Moreau_CEO da OLAmobile

Antoine Moreau, CEO da OLAmobile

OLAmobile vai reforçar a sua aposta no mercado português com um investimento de 600 mil euros, ao longo de 2016, reflectido no aumento da equipa e novas instalações na capital A multinacional de mobile marketing tecnológica pretende até ao final do ano, garantir contratar 30 novos profissionais.

Desde o início do ano, a empresa já contratou 18 e com o reforço deverá tornar, com 80 pessoas, o escritório de Lisboa no maior da sua rede.

A OLAmobile decidiu também aumentar as suas instalações no centro de Lisboa. Antoine Moreau, CEO da OLAmobile revela que “esta é uma decisão estratégica de assumir Portugal como elemento basilar de toda a operação da empresa, centralizando em Lisboa os serviços financeiros, de vendas e business development, marketing e desenvolvimento de produto, gestão de clientes e gestão de recursos humanos”.

É a partir de Portugal que a empresa contacta com os quatro cantos do mundo, uma vez que o país garante uma localização privilegiada e estratégica para o sector do global mobile marketing, refere um comunicado. “Estamos no centro do mundo, entre o mercado asiático e o americano. O nosso dia-a- dia em Portugal começa com contactos na Ásia, e termina com clientes em Los Angeles, ou no México, por exemplo. Aqui conseguimos conciliar todas estas ‘timezones’”, explica reforça Moreau.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado