FBI disponível para ajudar outras autoridades na desencriptação

Perante os pedidos de outras autoridades dos EUA, mostrou vontade para ajudar a contornar sistemas de protecção de equipamentos, em contexto de investigação.

FBI - Dave Newman - IDGNSO FBI vai ajudar outras autoridades norte-americanas com ferramentas para desbloquear dispositivos cujos conteúdos estão cifrados, revela uma carta da organização dos EUA. O documento, publicado pelo BuzzNews, parece ser uma resposta a solicitações de outras agências, depois de a entidade de federal ter revelado que conseguiu suplantar os sistemas de protecção de dados de um iPhone 5c com iOS9, usado por um dos autores do atentado de San Bernardino.

A agência não garante explicitamente usar a mesma ferramenta ou método, que não revelou em tribunal mas diz ter sido disponibilizada por uma organização externa. Apesar de tudo, a carta também não estabelece compromissos.

“Como tem sido a nossa política de longa data, vamos, naturalmente, considerar qualquer ferramenta que pode ser útil para os nossos parceiros”, diz o documento acrescentou. O FBI já apontou que embora havendo motivo legitimado por ordens judiciais para interceptar comunicações e aceder a informação, muitas vezes as autoridades enfrentam um problema de incapacidade técnica para concretizar os objectivos.

A Fight for the Future, organização de defesa de direitos civis digitais, argumentou que por não revelar à Apple o método de desencriptação, o FBI poderá colocar vidas em risco. “Se eles [agentes do FBI] se preocupam realmente com a segurança pública, devem revelar a vulnerabilidade explorada à Apple, para impedir que criminosos, hackers e terroristas usem a mesma falha de segurança para fazer mal”, sustentou num comunicado durante a semana passada.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado