Pathena entra no capital social da ebankIT (actualizado)

A sociedade de capital de risco fica com 25% da empresa mediante um acordo de investimento, focado no reforço do crescimento e expansão internacional da segunda.

António Murta_sócio gestor da Pathena

António Murta, sócio gestor da Pathena

A Pathena assumiu uma participação de 25% no capital social da ebankIT, investindo no plano de crescimento e internacionalização da empresa resultante da operação de spin-off da ITsector, principal accionista.

A entrada na estrutura accionista da organização, focada no desenvolvimento de plataformas digitais e omnicanal para o sector financeiro, tem duas vertentes, segundo António Murta, fundador e sócio-gestor da sociedade de capital de risco.

Uma componente financeira “garante os fundos necessários para acelerar a expansão da ebankIT, através da criação de condições para o crescimento internacional da empresa”. E  “a experiência acumulada da equipa Pathena será posta ao serviço da ebankIT, na implementação de um ecossistema de integradores internacionais”.

O investidor pretende dessa forma impulsionar  “as transformações necessárias” para a empresa se afirmar como interveniente “de referência mundial no desenvolvimento de software para canais do sector financeiro”.

O novo acordo “vem reforçar a vocação natural da ebankIT para operar nos mercados externos”, confirma João Lima Pinto (ebankIT).

João Lima Pinto_CEO da ebankIT

João Lima Pinto, CEO da ebankIT

A aposta enquadra-se no plano de investimento do primeiro fundo da Pathena nas áreas de TI e “MedTech”, de tecnologias para o sector da saúde, segundo Murta.

“A digitalização da banca foi uma das áreas identificadas como prioritárias desde o início do Fundo Pathena e, nesse contexto, o leque de soluções para o negócio digital e multicanal que a ebankIT implementou em Portugal e noutras geografias e que foram, inclusive, premiadas internacionalmente, geram grandes expectativas de valor futuro”, considera

João Lima Pinto, CEO da ebankIT, confirma que o novo acordo “vem reforçar a vocação natural da ebankIT para operar nos mercados externos”. A empresa fundada no Porto, e com escritórios em Londres, tem  aumentado “progressivamente” a sua actividade no plano internacional, sublinha.

Em Fevereiro de 2015, a empresa  foi distinguida em Londres, no evento ‘Finovate Europe’, com o prémio ‘Best of Show’, assinala um comunicado.

*Actualizado com informação sobre a dimensão da participação da Pathena no capital social da ebankIT.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado