Plux propõe modelo Gesturelux ao mercado

O dispositivo corporal permite o controlo de dispositivos móveis e PC usando sensores de actividade muscular.

Gestureplux

A empresa nacional de engenharia biomédica Plux está a fornecer um dispositivo de corporal e preparado para funcionar com a Intel Integrated Sensor Solution, proporcionando o controlo de dispositivos de PC. O equipamento chama-se Gestureplux e baseia-se em hardware da empresa, para detecção de sinais vitais.

A tecnologia de detecção de gestos da Plux é baseada na leitura multi-canal da activação de músculos por sensores de electromiografia (EMG) posicionados em torno do pulso.

O Gestureplux resulta de um projecto de colaboração com a Intel e constitui um dispositivo de referência para controlo de equipamentos sem recurso às mãos: a gestão da recepção de chamadas num smartphone é um exemplo.

Segundo o fornecedor, a parceria demonstra o compromisso do fabricante de processadores “na promoção da inovação de ponta à escala mundial, e permitiu à Plux reforçar ainda mais a sua posição”, nos segmentos da biomedicina. O “wearable” vem equipado com conectividade Bluetooth Low Energy (BLE) e vários recursos de economia de energia.

A Plux nasceu em 2007 e fornece também os dispositivo BITalino. Com pouco mais de um ano e meio no mercado, reuniu uma base superior a dois mil utilizadores em mais de 30 países em todo o mundo, diz a empresa.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado