Imagem do Windows 10 tornou-se má nas redes sociais

A reacção ao novo sistema operativo da Microsoft piorou bastante desde a semana passada, diz Adobe, citando dados da sua plataforma de análise.

win-10-review-01-100598933-primary.idgeA imagem sobre o Windows 10 nas redes sociais evoluiu para o cepticismo, pelo menos, desde o lançamento do novo sistema operativo da Microsoft, na semana passada. Dados do sistema Adobe Social, dizem que piorou bastante, revelou a Adobe.

A plataforma recolhe e categoriza menções registadas em blogues blogs, no Instagram, Reddit, Tumblr, Twitter e noutros sites. As categorias consideradas englobam conjuntos rotulados como “admiração”, “raiva”, “antecipação”, “desgosto”, “alegria”, “tristeza” e “surpresa”.

Assim a 29 de Julho (no dia do lançamento) o Windows 10 registava uma valor de 49% nas categorias de “admiração” e “alegria”, as duas mais positivas. Mas após a disponibilização das actualizações, a percentagem caiu para 40%.

Também notável foi o aumento no conjunto de menções de “tristeza”. A métrica negativa estava nos 29%, mas depois subiu para 35%.

O aumento de 10 vezes no número de menções a bugs indica a formação de uma má imagem, segundo a Adobe.

 

A Adobe atribui as alterações a vários factores, incluindo os erros revelados, os problemas de actualização, algumas práticas da Microsoft, e até mesmo a uma campanha de “ransomware” (baseada na notícia do lançamento). O número de menções sobre bugs subiu dez vezes, diz a Adobe.

O termo genérico inclui tudo, desde peculiaridades do sistema operativo e aplicações, a mensagens de erro verificadas na actualização. No último fim de semana, os registos enquadrados na categoria cresceram para uma média diária de mais de 11 mil, quando antes do lançamento era apenas de 1150.

Embora o valor mais recente seja uma pequena fracção das menções, 0,4% de três milhões, o aumento de 10 vezes indica a formação de uma má imagem.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado