Bizdirect atinge 35,2 milhões em facturação

Durante 2014, empresa cresceu 20% e a actividade em mercados estrageiros representou 12% do volume de negócios.

Joao Mira Santiago_CEO da BizdirectA Bizdirect encerrou o ano fiscal de 2014 com 35,2 milhões de euros de receitas, sendo 4,3 milhões de euros relativos a vendas internacionais. A evolução do volume de negócios total corresponde a um aumento de 20% face ao ano anterior.

A exportação para 28 países em cinco continentes resultou em cerca de 12% das vendas. Os resultados operacionais tiveram um crescimento próximos dos 14%.

“No ano de 2014, assistiu-se à recuperação do investimento em IT por parte das maiores empresas portuguesas no mercado, o que se refletiu positivamente no volume de negócio da Bizdirect”, revela Sapna Govindji, CFO da empresa.

De acordo com um comunicado, o lançamento do centro de competências da Bizdirect em Viseu, focado no desenvolvimento de soluções em tecnologia Microsoft, foi um projecto estruturante de grande destaque no ano de 2014.

O novo modelo de negócio alcançou, em 2014, cinco novos clientes internacionais, suportados por um centro de competências, com 20 colaboradores especializados nas áreas de Dynamics CRM e SharePoint. A actividade de serviços em “nearshoring” é uma das formas encontradas pela empresa para alargar a sua estratégia de internacionalização.

“As nossas prioridades apontam para a expansão do negócio na área de soluções e serviços, muito alinhados com o processo de transformação em curso na oferta da Microsoft”, diz João Mira Santiago, CEO da Bizdirect.

Na gestão de contratos corporativos no mercado das empresas para a Microsoft Portugal, a Bizdirect continua a gerir mais de 190 contratos de licenciamento de software. Na prestação de serviços, a empresa cresceu 28% face ao ano  anterior, devido ao reposicionamento estratégico da sua oferta, com reforço nas áreas de soluções e serviços, explica. A organização diz ter angariado 15 novos clientes.

Para 2015 “as nossas prioridades apontam para a expansão do negócio na área de soluções e serviços, muito alinhados com o processo de transformação em curso na oferta da Microsoft e alavancado pelo centro de competências Bizdirect”, anuncia o CEO da empresa, João Mira Santiago. Segundo o mesmo, o objectivo da empresa passa por “conquistar clientes no mercado europeu através de um modelo de venda diferenciador focado em competências”.

Ao mesmo tempo, a empresa quer apostar no crescimento sustentável, com foco nas parcerias estratégicas e na fidelização dos clientes e nas competências das suas equipas, assume o executivo.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado