Windows 7 acaba para PCs de consumo

É o fim de uma era: os OEMs vão deixar de ter esta sexta-feira acesso ao Windows 7 Home Basic, Home Premium e Ultimate para pré-instalação.

Windows - PCWorld

31 de Outubro é o último dia em que a Microsoft vai vender licenças do Windows 7 para os fabricantes de PCs (OEM, de “original equipment manufacturers”), segundo o relatório de ciclo de vida dos seus sistemas operativos.

Após a próxima sexta-feira, a empresa disponibilizará apenas o Windows 8.1, pelo menos para o mercado de consumidores.

Os PCs com o Windows 7 Professional vão continuar a serem produzidos para empresas, bem como qualquer outra pessoa disposta a pagar um valor mais elevado pelo Windows 7. Mas os OEM não terão acesso às licenças do Windows 7 Home Basic, Home Premium ou Ultimate após o fim de semana.

Muitos utilizadores – e mesmo departamentos de TI – estavam relutantes em mudar para o Windows 8.1. Até agora, a fuga para quem precisava de um novo PC sem o Windows 8 era o Windows 7 . mas isso vai terminar. E não é coincidência a Microsoft ter revelado o Windows 10 poucas semanas antes da “morte” do Windows 7.

A Microsoft ainda não definiu uma data para o fim do Windows 7 Professional e é pouco provável que se veja qualquer modificação dessa posição antes do lançamento do Windows 10. As empresas com departamentos de TI têm pouco interesse no Windows 8, e esperam pelo Windows 10, explicou Patrick Moorhead, analista principal da Moor Insights & Strategy.

Windows roadmap - Microsoft

Dell ainda vende PCs com Windows 7 Home Premium
Poucos dias antes da Microsoft parar com as licenças para os OEMs, a Dell está a tentar uma última vez estimular as suas vendas, usando a atracção do sistema operativo já com cinco anos.

Num “banner” no seu site, durante o fim de semana, a Dell promoveu os sistemas Windows 7 com o slogan “Windows 7 for the win” e descontos até 30% em vendas que decorrem até quinta-feira.

Entretanto, os dois outros OEM dos três primeiros em todo o mundo quase não se preocupam com o Windows 7 Home Premium: a líder Lenovo não mostrou nenhum para venda na sua loja online norte-americana, enquanto a HP apresentou apenas um com este sistema operativo.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado