PHC cresce 29,6% no volume de negócios

O fabricante de aplicações de negócio registou um total de 8,5 milhões de euros, em facturação, 5,5% dos quais referentes a mercados internacionais.

A PHC anunciou um volume de negócios de 8,5 milhões de euros, tendo crescido 29,6%, em 2013. O negócio internacional da organização representou 5,5% do total e registou um encaixe de vendas de 467 mil euros.

O número de funcionários da tecnológica portuguesa, que trabalham em Portugal, Espanha e Moçambique, cresceu de 135 (em 2012) para 149 no final de 2013. E o canal de distribuição foi reforçado com o objectivo “responder de uma forma mais eficiente à procura e às necessidades do mercado, agora inseridos num programa de parceiros, o Together” – explica um comunicado. Ao todo, a rede de parceiros absorveu 105 novas empresas em 2013.

Mais especificamente a equipa de parceiros da solução PHC CS aumentou os  seus elementos de 421 para 474 empresas e o conjunto de parceiros da solução PHC FX foi reforçado com 52 novos membros.  Segundo a empresa, a nova abordagem ao mercado traduziu-se também num crescimento significativo do número de clientes de ambas as plataformas.

“A solução PHC FX – a oferta SaaS da PHC para empresas de serviços – passou de 660 clientes em 2012, para 1370 clientes o ano passado. A solução PHC CS contava no mesmo período com 26 846 clientes e quase 124 mil utilizadores”, avança um comunicado.

De acordo com o fabricante a sua gama de software de gestão Advanced CS representou 41% das vendas, seguida pela oferta  PHC Corporate CS com 34% e PHC Enterprise CS com 15%. As restantes soluções e serviços disponibilizados pela PHC foram responsáveis por 10% das vendas totais no ano passado.

“2013 foi um ano de desafios justificados pela situação económica do país. No entanto o reajuste e o reforço estratégico que fizemos veio revelar-se extremamente positivo para contrariar esta tendência, e os números agora apresentados comprovam exatamente isto”, comenta Ricardo Parreira, CEO da PHC Software. “Para este ano, vamos continuar empenhados em oferecer soluções cada vez mais completas e ajustadas aos negócios das várias empresas, em fazer crescer a nossa base de clientes e parceiros e especialmente em reforçar o nosso negócio fora de portas. Não acreditamos que 2014 seja um ano fácil, mas acreditamos que se vai revelar igualmente positivo, como foi o de 2013.”

Para 2014, as expectativas da empresa assentam num crescimento sustentado e num aumento do peso do negócio internacional e no lançamento de versões do portefólio PHC FX, assim como de produtos focados no acesso com múltiplos dispositivos e também na aposta em modelos de clouds híbridas para PHC CS.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado