CSO devem estar atentos aos problemas dos Bitcoins

As dificuldades recentes, em torno da protecção da plataforma de suporte à “criptomoeda”, são indícios de um processo de amadurecimento de sistemas de pagamento, que os responsáveis de segurança da informação das empresas poderão ter de proteger.

Os directores de segurança da informação, ou Chief Security Officers (CSO) pouco atentos aos últimos problemas da Bitcoin devem mudar de atitude. Proteger a moeda digital que flui através de sistemas de pagamento de “peer-to -peer” (P2P) pode ser da responsabilidade dos profissionais de segurança, no futuro.

A semana passada foi difícil para a Bitcoin, e os problemas aos quais esteve sujeita não devem ser ignorados. “Fazem absolutamente parte do processo de amadurecimento, ” argumenta Denée Carrington, analista da Forrester Research.

“A questão é se a Bitcoin pode resistir a estas violações e a ataques futuros. Os apologistas da moeda estão confiantes de que vai. Só o tempo dirá”, considera.

Mas mesmo se o desfecho for negativo, outras chamadas “criptomoedas” ‒ com a Namecoin , Litecoin , Dogecoin , PPCoin e Mastercoin ‒ poderão sobreviver. Se a Bitcoin não é fiável, uma das suas rivais pode ganhar protagonismo com um sistema melhor: numa evolução parecida ao dos serviços de partilha sobre redes “peer- to-peer” depois da queda do Napster.

Se as empresas adoptarem esses sistemas de pagamento, os directores de segurança vão precisar de contratar novos recursos humanos ou formá-los, dizem os especialistas . As responsabilidades adicionais podem também mudar o papel do responsável: passará de guardião de informações,  para agente de protecção contra perdas financeiras.

“De repente, seriam directamente responsáveis por coisas basicamente financeiras. Seriam directamente responsáveis pela movimentação de dinheiro”, reforça Cameron Camp, investigador de segurança do fornecedor de antivírus, ESET. E alguns profissionais já estão a lidar com essa realidade.

A Overstock.com tornou-se o primeiro grande retalhista online a aceitar Bitcoins, e vários observadores da indústria esperam que os outros façam o mesmo. E o site SpendBitcoins tem uma lista de muitos sitesonde as pessoas podem usar a moeda digital.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado