Casa da Sorte reforça SI para a expansão

A empresa implantou a plataforma de aplicações de negócio PHC Enterprise CS, com os módulos PHC Gestão, PHC Contabilidade, PHC Pessoal, PHC Imobilizado, PHC POS e PHC Documentos Eletrónicos.

A PHC anunciou a implantação da platforma de aplicações de gestão, PHC Enterprise CS, nos sistemas de informção da Casa da Sorte. No âmbito do projecto esta empresa adoptou os módulos PHC Gestão, PHC Contabilidade, PHC Pessoal, PHC Imobilizado, PHC POS e PHC Documentos Eletrónicos.

Ao expandir-se numa rede maior de lojas, a Casa da Sorte teve de fazer evoluir os seus sistemas tecnológicos. Os objectivos do novo projecto eram conseguir obter um maior controlo da actividade e dos novos negócios, e suportar o incremento do número de lojas à escala nacional.

“À medida que a empresa cresce, a importância que as TI desempenham na sua performance também aumenta”, diz um comunicado da PHC. O novo desafio de actualização envolvia que qualquer solução adoptada desse uma garantia de compatibilidade com os sistemas já instalados.

Inicialmente, o processo passava por conseguir antecipar – do prazo de um mês para o de uma semana – a recolha de toda a informação gerada pelos jogos e fornecê-la à empresa. Aproveitando as novas aplicações, o cliente conseguiu a agregação da informação ao final do dia, e disponibilizada de imediato para os colaboradores da empresa Casa da Sorte, diz um comunicado.

“Hoje em dia, a Casa da Sorte já tem acesso permanente à informação, o que permite tomadas de decisão muito mais rápidas. Decidimos baseando-nos na informação gerada pelo nosso sistema informático, o que, penso, faz com que a decisão seja a mais acertada”, explica Elói Ribeiro, diretor financeiro da Casa da Sorte.

A Casa da Sorte prevê abrir ainda mais lojas no país, pelo que não invalida uma futura actualização dos sistemas ou recurso a novos módulos, adianta o comunicado.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado