Sector digital do Reino Unido precisará de 300 mil trabalhadores

A falta de competências técnicas especializadas estão a prejudicar o crescimento do sector, diz um estudo da UK Commission for Employment and Skills.

Um relatório da UK Commission for Employment and Skills considera os especialistas de TI como “a nova força” da economia do Reino Unido. Contudo persistem lacunas de competências.

O estudo “Technology and Skills in the Digital Industries” prevê que, ao longo dos próximos 10 anos os especialistas em TI são “deverão transformar o sector digital numa área com muito peso na economia do Reino Unido”. Isso acontecerá conforme a cibersegurança, tecnologias de mobilidade, as TI mais ecológicas e a cloud computing mudam a forma como as empresas e os indivíduos usam a tecnologia.

Segundo o trabalho, o sector digital precisará de cerca de 300 mil novos empregados por volta de 2020 para maximizar o seu potencial. Novas funções serão também criadas exigindo habilitações de TI tanto mais profundas como mais e técnicas e especializadas.

Serão complementadas por aptidões em negócio, vendas e comunicação, diz o estudo. Mas a falta de competências técnicas especializadas estão a prejudicar o crescimento do sector actualmente.

Quase um quinto de todas as vagas são difíceis de preencher, devido à escassez de competências, tornando mais difícil para as empresas digitais para acompanhar o ritmo de mudança tecnológica – diz o relatório.

Outras conclusões:

– O crescimento do emprego no sector digital aumentou a uma taxa média de 5,5% entre 2009 e 2012;

– 89% do emprego total no sector está localizado em Inglaterra, 7% na Escócia e 2% no País de Gales e na Irlanda do Norte;

– Os trabalhadores do sector estão entre os membros mais qualificados da força de trabalho do Reino Unido: cerca de 63% tinha um diploma de ensino superior em 2012;

– Mas em 2012 os licenciados em computação tinham a maior taxa de desemprego nos primeiros seis meses após deixarem a universidade.

(Antony Savvas, Computerworld UK)




Deixe um comentário

O seu email não será publicado