Nissan desenvolve relógio inteligente para carro e condutor

Empresa descreve-o como conceito e não divulgou detalhes sobre a sua disponibilidade comercial.

A Nissan está a trabalhar num relógio inteligente que irá monitorizar os seus carros desportivos Nismo e os condutores.

O relógio, que irá fornecer dados biométricos em tempo real – como as batidas cardíacas do condutor -, será exposto no Salão Automóvel de Frankfurt a partir desta terça-feira e é descrito pela Nissan como um “primeiro passo para a tecnologia ‘wearable'”.

A empresa não revelou a data para a disponibilidade comercial do produto ou o seu preço, descrevendo-o como um conceito. Ela disse, no entanto, que o relógio estará disponível em três cores – preto, branco e preto e vermelho. A interface de utilizador pode ser controlada por dois botões e o relógio está fixado ao pulso do condutor por meio de um mecanismo de encaixe de pressão, disse a Nissan.

Os motoristas podem usar o relógio para monitorizar a eficiência do seu veículo em velocidade média e as leituras de consumo de combustível, acesso à telemática do veículo e dados de desempenho enquanto na estrada, captura de dados biométricos por meio de um monitor de análise cardíaca, ligar-se ao carro usando uma aplicação de smartphone via Bluetooth Low Energy e receber mensagens da Nissan.

A empresa planeia adicionar capacidades de ECG (electrocardiograma) para medir os intervalos do ritmo do coração e identificar a fadiga do condutor, EEG (electroencefalograma) para monitorizar os níveis de concentração e emoções dos condutores, e medição da temperatura da pele para registo da temperatura corporal e níveis de hidratação.

O relógio Nismo também irá acompanhar e avaliar o “desempenho social” do utilizador através do Facebook, Twitter, Pinterest e Instagram usando o Social Speed, software proprietário da Nissan.

O relógio usa uma bateria de lítio que pode ser carregada por micro-USB, com uma autonomia de mais de sete dias sob condições normais de uso.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado