Gatewit Labs abriu para candidaturas

A primeira fase do concurso universitário da Gatewit decorre até Dezembro. A empresa procura promover a ligação entre universidades e mercado profissional.

A Gatewit lançou o Gatewit Labs, concurso universitário concebido para, através de parcerias com várias universidades nacionais, estimular a ligação entre o mundo académico e a realidade empresarial. Mais especificamente, a empresa pretende estimular o desenvolvimento de projectos inovadores na área de gestão e consultoria de compras e contratação.

Através do concurso – dirigido a estudantes de licenciatura e mestrado das instituições de ensino aderentes – os participantes poderão assumir a posição de gestor de projecto: controlarão o processo desde a ideia, passando pelo seu desenvolvimento e terminando na sua implementação prática num cliente.

Os três melhores projectos serão premiados com uma experiência profissional um estágio de seis meses na Gatewit, sendo que o estágio do projecto vencedor inclui um mês de estágio em Sillicon Valley, nos Estados Unidos da América, e o projecto do segundo classificado inclui um mês em Madrid (Espanha).

Os projectos podem abordar temas como gestão de despesa, análise de despesa, procura estratégica de fornecedores, gestão de inventário, gestão de comodidades, aprovisionamento para administração pública, aprovisionamento ecológico,  social, inovador, electrónico e estratégias de aprovisionamento.

Os vencedores serão conhecidos em Julho de 2014, numa cerimónia de entrega de prémios. A primeira fase de candidaturas decorre de Setembro a Dezembro de 2013, e a segunda fase será de Março a Junho de 2014.

Até ao momento, o Gatewit Labs conta com a colaboração do Instituto Superior Técnico, ISCTE-IUL, Faculdade de Economia da Universidade do Porto, Universidade de Aveiro e Universidade Atlântica.

“Acreditamos que projectos como o Gatewit Labs ajudam a preparar os estudantes para o mercado laboral, e por isso estamos determinados a torná-lo um projecto de sucesso”, refere Pedro Vaz Paulo, CEO da Gatewit.

 




Deixe um comentário

O seu email não será publicado