Snowden deixou aeroporto de Moscovo

A Rússia concedeu ao ex-consultor da CIAasilo por um ano e o especialista abandonou o aeroporto para um destino desconhecido no país Rússia, de acordo com uma mensagem da Wikileaks, no Twitter.

O analista informático ex-consultor da NSA, Edward Snowden, finalmente deixou a área de trânsito do aeroporto de Moscovo, depois de a Rússia lhe conceder asilo temporário – por um ano -, revelou o seu advogado ao The Wall Street Journal.

A Wikileaks organização que está gerir algumas negociações de asilo para Snowden, também revelou a notícia por Twitter. “Edward Snowden obteve asilo temporário na Rússia durante um ano e já deixou o aeroporto de Moscovo sob os cuidados da WikiLeaks ‘Sarah Harrison,” diz a mensagem.

O advogado russo de Snowden revelou ao jornal que vira o seu cliente dirigir-se para um táxi, mas não sabia para onde seguiu. Durante as últimas cinco semanas o analista tinha ficado retido na zona de trânsito do aeroporto Sheremetyevo, em Moscovo.

Fugira de Hong Kong numa tentativa de evitar a extradição para os EUA, onde é procurado –  alvo de acusações relacionadas por ter revelado documentos sobre as actividades de vigilância da NSA.

(Peter Sayer, IDG News Service)




Deixe um comentário

O seu email não será publicado