As “hashtags” do Facebook e a sua privacidade

Se as suas configurações de privacidade estão definidas para os seus conteúdos serem apenas vistos por amigos, por exemplo, apenas esses seus amigos os vão poder ver, mesmo que tenha uma “hashtag”.

Utilizadores do Facebook, preparem-se para ver “hashtags” no “feed” de notícias.

A rede social anunciou na semana passada que está a lançar o popular recurso para os utilizadores ao longo das próximas semanas. As “hashtags”, famosas nas contas do Twitter e usadas numa série de outros sites de redes sociais, como Instagram, Pinterest e Tumblr, transformam temas e frases em links “clicáveis” na “timeline” ou página do Facebook. Assim, elas tornam o conteúdo mais facilmente “pesquisável”.

“Até agora, não houve uma maneira simples de ter uma visão ampliada do que está a acontecer ou do que as pessoas estão a falar”, diz Greg Lindley, gestor de produto do Facebook. As “hashtags”, diz, ajudarão a deixar mais conversas em primeiro plano. De acordo com o Facebook, elas serão azuis e vão redireccionar para uma página de pesquisa com outros textos que incluem a mesma “hashtag”.

Como parte do lançamento, o Facebook diz que também será possível clicar em “hashtags” de outros serviços, como o Instagram, propriedade do Facebook. A rede social também disse que planeia lançar recursos adicionais, incluindo tendências (“trending hashtags”), em breve.

Embora as “hashtags” sejam amplamente utilizadas em vários sites, há duas coisas que precisa de saber sobre este novo recurso e como afecta ou não a sua privacidade no Facebook.

Em primeiro lugar, acrescentar uma “hashtag” não afecta a privacidade do seu “post”. Se as suas configurações de privacidade estão definidas somente para amigos, por exemplo, apenas eles o podem ver.

Da mesma forma, se os seus amigos procuram uma “hashtag” que já usou no passado, o seu “post” aparecerá apenas para eles nos resultados de pesquisa, diz o Facebook. “Como sempre, você controla a audiência para as suas mensagens, incluindo aquelas com ‘hashtags'”, disse Lindley.

Por outro lado, se usar uma “hashtag” num “post” que publicou e quer que ele fique acessível para todos, a sua configuração de privacidade mais recente é aquela que o Facebook deixará como padrão para as mensagens seguintes, a menos que as modifique novamente.
(Kristin Burnham, CIO)




Deixe um comentário

O seu email não será publicado