CIO da Microsoft abandona empresa

Tony Scott, vai ser substituído interinamente pelo vice-presidente de gestão de produtos de TI e serviços da empresa, Jim Dubois. Scott decidiu dedicar-se a projectos pessoais, segundo a organização, e sai nas vésperas da TechEd, que se inicia hoje.

O CIO da Microsoft, Tony Scott deixou a empresa depois de cinco anos no referido cargo. A notícia foi avançada pelo site GeekWire, de Seattle e mais tarde confirmada pela organização, num curto comunicado.
“Tony Scott decidiu deixar a Microsoft para se concentrar em projectos pessoais. Enquanto esteve na Microsoft, Tony foi um líder de TI forte e apaixonado por levar a tecnologia da Microsoft para níveis mais altos, e usava a nossa experiência e conhecimento para ajudar clientes e parceiros. Agradecemos ao Tony por sua contribuição e lhe desejamos tudo de bom”, dizia a declaração.

O vice-presidente de gestão de produtos de TI e serviços, Jim Dubois, será o CIO interino. Segundo a GeekWire, o impacto da saída é importante na medida em que o departamento de TI da Microsoft é o primeiro cliente dos produtos empresariais da organização: instala e testando novos produtos dentro da empresa antes daqueles serem colocados no mercado.

A saída do CIO acontece nas vésperas da conferência TechEd, a qual tem hoje início, em Nova Orleans. Tony Scott é um profissional de TI veterano, tendo trabalhado em empresas como a General Motors e a Bristol-Meyers Squibb. Logo antes de ingressar na Microsoft era CIO da Disney.

No final de 2012, uma comunicação interna do CEO, Steve Ballmer, revelou que  Craig Mundie deverá reformar-se em 2014. No passado mês de Novembro, a empresa anunciou também a saída de executivo responsável pelo Windows 8, Steven Sinofsky.

(Com IDGNow)




Deixe um comentário

O seu email não será publicado