“Nearshoring” da Altran envolve investimento de 6,5 milhões

O acordo para a criação de um centro de desenvolvimento em “nearshore”, no Fundão, foi assinado na última quinta-feira.

O ministro da Economia e do Emprego, Álvaro Santos Pereira e o vice-presidente da Altran para o Sul da Europa, Cyril Roger assinaram na passada quinta-feira formalizaram um acordo para a implantação de um centro de nearshoring da empresa, no Fundão. O projecto envolve um investimento de 6,9 milhões de euros e deverá criar 120 empregos até 2015. De acordo com um comunicado, o centro vai concentrar o seu trabalho em tecnologias e desenvolvimento de sistemas de informação e telecomunicações.

Na cerimónia, que decorreu em Lisboa, o ministro afirmou que “a opção por Portugal para um investimento desta natureza e dimensão (…) constitui mais um voto de confiança na nossa capacidade e competência e o reconhecimento das nossas vantagens competitivas nestes domínios”.

O governante salientou também o “interesse do projecto em reforçar as relações com as universidades e institutos politécnicos com o objetivo de promover as oportunidades de carreira e consolidar parcerias para a formação”.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado