Encomendas de tablets superam as de laptops em 2013

Ecrãs tácteis lideram padrões de compra, enquanto o Windows 8 tem tido um efeito limitado até agora.

As novas encomendas de tablets vão superar os laptops pela primeira vez em 2013, quando as capacidades dos ecrãs tácteis estão a liderar os padrões de compra, em vez de novos sistemas operativos como o Windows 8 e o Windows RT, revelou esta segunda-feira a empresa de pesquisa NPD DisplaySearch.

A NPD antecipa que as encomendas de tablets vão subir para 256,5 milhões globalmente em 2013, e depois mais do que duplicar para 579,4 milhões em 2017. As encomendas vão crescer 67% em 2013 sobre os cerca de 159 milhões de tablets de 2012.

Entretanto, a venda de portáteis vai permanecer quase constante com os números do ano passado, com 203,3 milhões projectados para lançamento em 2013. A empresa espera que as vendas de laptops caiam para 183,3 milhões de unidades em 2017.

Um ponto para os laptops – com ecrãs tácteis – é que as suas encomendas vão crescer 48% em 2014.

Os laptops ultrafinos, como Ultrabooks da Intel e o MacBook Air da Apple, vão ser responsáveis por 66% das vendas de notebooks em 2013. A quota dos laptops ultrafinos vai crescer para 80% em 2017, segundo a NPD. Os Ultrabooks de terceira geração da Intel terão processadores Haswell para a funcionalidade táctil.

A NDP disse que os novos sistemas operativos como o Windows 8 da Microsoft não são susceptíveis de conduzir à adoção de dispositivos tácteis, ao contrário de tablets com menores custos e novos factores de forma, como serem conversíveis.
(Matt Hamblen/Computerworld)




Deixe um comentário

O seu email não será publicado