UPTEC vence nos RegioStars 2013

Comissão Europeia “atribui prémios a projetos emblemáticos” e Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto triunfa no “crescimento inteligente”.

O Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto (UPTEC) foi um dos vencedores numa das cinco categorias dos RegioStars 2013, revelou há pouco a Comissão Europeia (CE).

O UPTEC triunfou na categoria “Crescimento Inteligente”, que visa distinguir a associação das universidades ao crescimento regional. Segundo a CE, o UPTEC “desenvolve clusters, mobilizando competências entre o mundo académico e a economia local, em setores com potencial de inovação na economia local. O projeto divide-se em quatro pólos distintos – tecnologia, indústrias criativas, tecnologias do mar e biotecnologia, incluindo duas estruturas de apoio para as empresas – incubadoras e centros de inovação empresarial. O UPTEC apoiou até agora 110 empresas, incluindo 95 empresas em fase de arranque, e cinco centros de inovação privados. O projeto criou cerca de 800 empregos para diplomados do ensino superior, contribuindo para o crescimento económico robusto na região”.

Segundo a CE, os projectos inovadores “são exemplos de boas práticas em matéria de desenvolvimento regional”.

Os prémios anuais RegioStars – que serão entregues esta noite, em Bruxelas – “estão abertos a todas as regiões da UE, que devem concorrer com projetos que beneficiaram de investimento proveniente da Política Regional da UE desde 1 de janeiro de 2000”.

Nas outras categorias, os vencedores foram:
Crescimento sustentável (apoiar a eficiência na utilização de recursos nas PME): ENWORKS – Apoio à utilização eficiente dos recursos – Noroeste da Inglaterra.

Crescimento inclusivo (inovação social: respostas criativas aos desafios da sociedade): Trajetórias individuais de trabalho – Warmińsko-Mazurskie, Polónia.

CityStar (abordagens integradas para um desenvolvimento urbano sustentável): Gestão dos bairros de Berlim, Alemanha.

Informar o público (promoção da política regional da UE com vídeos de curta duração): Rumo ao trabalho – criação de um serviço de mediação para o recrutamento de pessoas com deficiência auditiva, Lituânia.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado