Aprovada norma com 16 vezes a resolução da HDTV

A UHDTV, ou Ultra High Definition Television, com uma resolução de 7680 por 4320 pixéis e a 120 imagens por segundo foi aprovada pela União Internacional de Telecomunicações.

Um novo formato de televisão com 16 vezes a resolução da TV de alta definição (HDTV) actual foi aprovado por um organismo internacional de normalização, disseram fontes japonesas esta quinta-feira.
O UHDTV, ou Ultra High Definition Television, permite a programação e transmissões em resoluções de até 7680 por 4320 pixéis, juntamente com taxas de actualização (“refresh”) de até 120 Hz, o dobro da maioria das transmissões de HDTV actuais. O formato também amplia a paleta de cores que podem ser exibidas no ecrã.
O formato de vídeo foi aprovado no início deste mês pelos países membros da União Internacional de Telecomunicações, organismo de normas e regulador das Nações Unidas, de acordo com um funcionário da NHK, a estação pública de televisão japonesa, e outra do Ministério de Assuntos Internos e Comunicações daquele país. Ambas falaram sob condição de anonimato.
O Japão vem pressionando para a aprovação internacional do novo formato, que foi projectado e desenvolvido pela NHK. Espera-se que a adopção internacional dê ao país vantagem para a próxima geração de televisão. A NHK afirmou que espera começar as transmissões experimentais generalizadas do formato, que chama de Super Hi-Vision, em 2020.
A norma também inclui uma emissão mais reduzida, de 3840 por 2160 pixéis. As duas modalidades são normalmente referidas pela contagem de pixéis horizontais, ou 8k e 4k.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado