Vendas de PC caíram 16,9% na Europa

Nos mês de Abril e Maio, as vendas de netbooks caíram 45% no todo dos mercados ocidentais.

As vendas de PC continuam a cair. De acordo com dados da Context, ditados pela Dealerworld espanhola, nos dois primeiros meses do segundo trimestre, a queda nas vendas de PC na Europa Ocidental chegou aos 16,9% – em comparação com o período homólogo de 2011. O número de unidades de netbooks vendidas registaram uma queda de mais de 45%.
As maiores quedas registaram-se mesmo nos segmentos dos dispositivos móveis, com os notebooks e netbooks à cabeça. As vendas dos primeiros caíram de 16,6 por cento, enquanto as dos netbook ainda atingiram os 45,7%.
Em sentido inverso, o número de ultrabooks vendidos está a aumentar mês a mês. E as previsões são optimistas: com a chegada do Windows 8, espera-se que os fabricantes lancem  novas máquinas, promovendo uma maior a adopção dos tais dispositivos.
No entanto, Jeremy Davies, CEO e co-fundador da Context, observa que a recuperação do mercado de PC no restante do ano e na Europa Ocidental será difícil. Quanto aos desktop, a queda em Abril e Maio foi de 7,2%, enquanto os servidores e estações de trabalho diminuiu 12, 5 e 17,9%, respectivamente.
“Parece que os utilizadores domésticos não têm capacidade financeira para comprar PC, enquanto as empresas estão a ser influenciadas pelas notícias sobre a economia”, disse Jeremy Davies. Para este consultor “a única luz são os tablets”.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado