Pastebin luta contra ataques DDoS

O site bloqueou cerca de 22 mil endereços IP que o estão a atacar.

O Pastebin, um site favorito para hackers disponibilizarem publicamente dados confidenciais, está a lutar contra um ataque em curso de negação de serviço (DDoS), que visa desactivar o site, de acordo com os seus administradores.
O último ataque começou na quarta-feira, segundo um post do Pastebin no seu site. O Pastebin diz ter bloqueado inicialmente 4.000 endereços IP maliciosos mas que o ataque continuou a aumentar, e disse em mensagens no Twitter que o número de computadores atacantes aumentou para 9.000, em seguida para 12 mil, até ter chegado aos 20 mil.
“Estes números crescem a cada minuto”, escreveu o Pastebin. Na quinta-feira, já eram mais de 22 mil computadores a atacar o site [há minutos, já eram mais de 27 mil].
“Estes endereços IP são, muito provavelmente, de pessoas inocentes que não têm nenhum indício de que o seu computador está a ser usado para este propósito”, disse o Pastebin, apontando para um ataque por uma botnet. “É recomendado que se tenha sempre um software antivírus instalado e actualizado e um bom firewall activo”.
O site publicou uma lista dos endereços IP do ataque para que as pessoas possam verificar se o seu computador está infectado com algum código de ataque pela botnet.
O Pastebin pretende ser uma maneira fácil para os programadores partilharem código ou outras grandes quantidades de texto. Os hackers frequentemente usam-no para divulgar dados por eles adquiridos, embora o Pastebin desencoraje a divulgação de logins, passwords e outros dados confidenciais.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado