JP Sá Couto anuncia venda de 93,5 mil computadores ao Panamá

O fabricante nacional vai fornecer um projecto do ministério da educação do Panamá, com o Magalhães, através de uma parceria com a Tecnasa, distribuidor de equipamentos tecnológicos.

A JP Sá Couto anunciou o estabelecimento de um contrato com o Panamá, parta o fornecimento de 93,500 computadores Magalhães. A distribuição será feita pela Tecnasa e suportará um projecto de escala nacional, liderado pelo ministério panamiano da educação.
Segundo o comunicado, a relação com o Panamá consolidou-se após a visita, em Junho passado, de uma comitiva do ministério da educação panamiano às instalações da JP Sá Couto. Como factor importante para o negócio a empresa salienta a parceria  com a Tecnasa.
“Na relação com os parceiros locais, trabalhando lado a lado com países e empresas nacionais, a JP Sá Couto ganha uma vasta experiência em cada contexto e cultura. É este conhecimento quase personalizado que permite fortalecer a nossa aproximação aos mercados internacionais ”, refere Jorge Sá Couto, presidente do Conselho de Administração da JP Sá Couto.
A estratégia de internacionalização da JP Sá Couto continua a incluir a aposta na implantação de projectos educativos de base tecnológica na América Latina, diz a empresa em comunicado. Segundo o fornecedor, o negócio no Panamá junta-se a operações concretizadas na Argentina, na Venezuela, no México e no Uruguai. A JP Sá Couto diz ter distribuído três milhões de Magalhães em todo o mundo, e marca actualmente presença em mais de 60 países, através de parceiros OEM.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado