Engenheiros de comunicações e consultores SAP mais requisitados em Espanha

Durante 2012, além de haver muita procura de consultores em tecnologia SAP, estes serão os mais bem pagos, de acordo com projecções da Adecco.

Num cenário de crise acentuada e desemprego, os profissionais de TI com maior procura em Espanha serão os engenheiros de comunicações e os consultores em tecnologia SAP – segundo previsões da Adecco. Os últimos tornar-se-ão nos mais bem pagos no sector das TIC, de acordo com a empresa de recrutamento de recursos humanos.
Num país com mais de cinco milhões de desempregados, têm surgido vários estudos sobre os profissionais mais requisitados. Há pouco menos de um mês, um deles sugeria a necessidade de recursos humanos formados em desenvolvimento de aplicações móveis, como a mais importante.
Agora a Adecco revela as suas previsões apontando para uma maior procura em duas áreas mais tradicionais do ambiente tecnológico. Seja qual for o cargo colocado em primeiro lugar (é preciso ter em conta que cada estudo utiliza  “barómetros” diferentes e abrange sectores diferentes), o sector das TIC continua a ser muito  atraente no país vizinho.
Além disso, é um dos poucos onde o emprego ainda tem crescido nestes anos de recessão económica e crise financeira. O caso dos engenheiros de telecomunicações é especialmente paradigmático estando associado a uma área capaz de atrair cerca de 25 mil milhões de euros, conforme anunciou o ministério da Indústria.
Este fenómeno implica a criação de 40 mil novos empregos directos nos próximos cinco anos. Além da formação académica os profissionais candidatos deverão estar habilitados com certificações CCNA, CCNP ou em tecnologia  Microsoft.
O domínio da língua inglesa deve ser elevado e a experiência mínima exigida é de um a dois anos.  Em termos de salário bruto, a Adecco estima que um engenheiro de telecomunicações consiga auferir  27 mil euros por ano – com os profissionais de três a quatro anos de experiência a conseguirem arrecadar  40 mil euros.
Os consultores SAP tornaram-se uma peça essencial da estrutura que mantém uma empresa a funcionar. Portanto, as empresas pedem engenheiros informáticos com experiência em cargos de gestão, mas também procuram profissionais  formados em administração e direcção de empresas.
Não é negociável a exigência de um alto nível de Inglês técnico e uma experiência mínima de três a cinco anos com ferramentas SAP. Os salários situam-se entre os 40 mil e 45 mil euros brutos por ano, enquanto as pessoas ligadas à tecnologia de gestão de tesouraria da SAP podem auferir 60 mil  e 65 mil euros por ano.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado