Intel procura revitalizar netbooks

A empresa já começou a disponibilizar aos fabricantes de netbooks o processador Cedar Trail, um trunfo para revitalizar a oferta deste dispositivos, face à emergência cada vez mais forte dos tablets.

A Intel começou quarta-feira a enviar aos fabricantes de netbooks, os novos processadores Atom , denominados Cedar Trail.  Os chips de duplo núcleo, fazem parte da plataforma com nome código Cedar Trail e deverão oferecer um consumo mais baixo de energia, além de melhor desempenho aos netbooks – promete a Intel.
É um passo importante para manter o crescimento dos computadores de baixo custo perante a explosão do mercado de tablets. As vendas de netbooks têm sido bastante afectadas pela crescente procura por tablets como o iPad, da Apple.
Os grandes fabricantes de PC, como a HP, a Acer, a Lenovo, a Toshiba, a Asus e a Samsung, deverão começar a enviar os netbooks com os processadores Cedar Trail no início de Janeiro com preços a partir de 199 dólares, cerca de 152 euros.
A Intel afirma ter duplicado o desempenho gráfico dos chips enquanto reduziu o consumo de energia em cerca de 20% (comparativamente  como os processadores Atom anteriores, apresentados há dois anos). Os novos processadores ajudarão os netbooks a suportar durações de bateria até 10 horas, promete o fabricante.
O Cedar Trail surge um pouco antes da Consumer Electronics Show (CES) 2012, agendada para o próximo mês em Las Vegas, nos EUA. Espera-se que a Intel fale sobre seus chips mais recentes para smartphones, tablets e PC durante a conferência.
Um porta-voz da companhia afirmou que, apesar de os fabricantes poderem instalar o Cedar Trail em tablets, a maioria está optar pelos processadores Medfield ou Clover Trail (ainda sem apresentação pública).
A Intel previsões positivas sobre o mercado dos netbooks, mesmo perante a “ameaça” dos tablets. Apesar de as vendas terem caído nos Estados Unidos e na Europa Ocidental, o mercado está a crescer em países em desenvolvimento como a Índia e a China, argumenta a empresa.
Os novos chips permitirão que os netbooks reproduzam vídeos em alta definição e suportam interfaces HDMI: os quais vão possibilitar que os dispositivos sejam ligados a televisores de alta definição. Outros recursos incluem tecnologia de para sem ligar fios, emitir imagens para os televisores.
Os novos chips incluem o Atom N2600, que corre a 1,6GHz e utiliza 3,5 watts de energia, e o N2800, que roda a 1,8GHz e usa 6,5 watts de energia.




Deixe um comentário

O seu email não será publicado